Como lidar com seu (a) ariano (a)!
A astrologia e os filhos!

Acho que todas as pessoas ou pelo menos a grande maioria já ouviu falar nos Florais, mas o que muita gente não sabe, é que existem diferenças sutis nas linhas de preparo de cada um deles!

Para àqueles que nunca ouviram falar em Florais, vou fazer uma breve explanação: Basicamente, essa terapia complementar é composta por essências preparadas a partir de flores e plantas silvestres, indicadas para tratar as causas mentais e emocionais da doença!

Se tratarmos a causa e não apenas os sintomas, como vemos acontecer muitas vezes na alopatia, a doença desaparece!

O princípio básico da medicina preventiva é tratar a desarmonia assim que ela se manifesta, ainda em um estágio inicial, como a perda de sono, de apetite, uma dorzinha no estômago ou até mesmo uma simples prisão de ventre, podem ser indicativos de que algo não vai bem em nosso organismo.cerridwens-cauldron

Ou seja, o método ou terapia de florais, nada mais é do que um sistema de autoconhecimento, tão natural, que é incapaz de causar algum mal!

Pensando em todos esses benefícios, um médico inglês deu início em 1928, ao que mais tarde se tornaria conhecido como o método dos Florais de Bach (Sobrenome do médico, Edward Bach), para ele, a saúde é direito de todo ser humano e isso se traduz na união completa entre corpo, mente e espírito, quando esse trio está em harmonia, o resultado é saúde! 

Mas não existe apenas um tipo de floral, hoje temos também os florais brasileiros, desenvolvidos a partir os novos sistemas florais que surgiram após o sistema original, os Florais Brasileiros Joel Aleixo tem por base os preceitos da alquimia. Um antigo conhecimento, revelador das possibilidades curativas da natureza, combinado com a sabedoria popular no uso das plantas nacionais.

Nesse tratamento, são usados dois tipos de florais: as essências sutis que atuam na nossa memória energética trazendo para a consciência padrões comportamentais indesejados, e os compostos florais que dão suporte físico e emocional durante o processo terapêutico.

Mas como agem os florais?

“Num primeiro momento da terapia, acontece a desintoxicação do corpo e das emoções. O próximo passo é nos libertarmos do que herdamos em nível físico e emocional dos antepassados, mas que não faz parte de nossa essência e não contribui para o processo evolutivo”.

Para ficar ainda mais claro, vou usar um exemplo prático da aplicação dos florais: Existe uma planta chamada Impatiens, que cresce muito rapidamente, sua essência é utilizada para tratar de pessoas impacientes, através das folhas de sua flor, que ao contrário da planta, crescem de forma lenta, relaxadas, tranquilas por natureza!flor-de-lis

Ou seja, as plantas escolhidas pelo médico homeopata para criar um floral, possui em si o equilíbrio daquele aspecto, no exemplo acima, impaciência e tranquilidade… 

Em nosso próximo encontro, trarei os florais específicos para cada tipo de problema, como ansiedade, depressão, baixa auto-estima, imunidade, entre outros, não percam!

E para quem se interessou e gostaria de contatar um profissional terapeuta em florais, entre em contato com Clarissa Oliveira – (82) 981532707

Essa foi mais uma super dica, Super Astral!