Não se engane, para ter saúde você precisa se mexer. O grande dilema é descobrir uma atividade física que goste e ir em frente.

Já ouvi vários especialistas dizendo que não importa a atividade escolhida, mas a frequência com a qual você irá fazer. Começar com muita empolgação e parar na semana seguinte não ajuda o corpo a melhorar o metabolismo, te faz perder tempo e dinheiro.

Arrume tempo para cultivar sua saúde ou você terá de arrumar tempo para tratar uma doença que só chegou porque não se mexeu. Que tal experimentar a Zumba? Além de ser um ótimo começo para quem está parado, diverte.

Vale a pena porque…

Fortalece as pernas e o bumbum: O corpo é trabalhado como um todo na Zumba, porém os músculos dos membros inferiores (quadríceps, glúteo, posterior de coxa e panturrilha) são os que participam mais ativamente, ajudando a fortalecer principalmente pernas e bumbum

Não precisa de aparelhos: mesmo sem aparelhos, a atividade é muito intensa e capaz de queimar muitas calorias

As coreografias são simples: Algumas pessoas podem desistir de ingressar nas aulas de dança por se acharem iniciantes demais ou por julgarem ter um condicionamento físico pouco adequado. Mas na Zumba isso não acontece e as aulas podem ser feitas por iniciantes ou experientes na área.

Deixa a autoestima lá em cima:  Os professores afirmam que é muito comum os primeiros alunos sentirem vergonha no início, por timidez ou medo de errar, mas depois a timidez vai embora.

Trabalha a sensualidade:  Na Zumba são feitas coreografias de salsa, merengue, cumbia e reggaeton.

Melhora a agilidade e equilíbrio: Além da condição cardiorrespiratória, a Zumba também trabalha a percepção espacial e a coordenação motora, deixando os reflexos mais rápidos e melhorando o equilíbrio.

É um momento de fazer amigos: As coreografias são demonstradas pelos instrutores e feitas em grupo, todos participam, se integram e ajudam uns aos outros.

Costumo fazer três aulas por semana.

O que eu gosto: todas as vantagens citadas acima são reais, cada uma com sua intensidade

O que eu não gosto: tive de vencer a timidez de não saber dançar. Sou daquela que a professora grita: “Direita!” e vou pra esquerda. Mesmo assim venci o incômodo inicial e fui em frente.

Não é assim que devemos ser na vida também?

  • Elaynne

    Eu prefiro zumba do que Fit Dance, pois Zumba tem os passos fáceis de pegar e com certeza pra todo tipo de praticante de atividade, seja iniciante ou expert. Recomento 🙂