Vale a pena relembrar Confúcio, para quem “o exemplo” é a coisa mais importante em política.

O filósofo chinês continua atual, até mesmo em tempos de pandemia.

O caso de hoje é emblemático, diz respeito ao avanço da Covid-19 no Nordeste, onde os comportamentos distintos dos governantes devem, sim, ser cotejados.

Hoje, o governador Camilo Santana, do Ceará, deixou claro que será o grande ausente numa visita do presidente Bolsonaro ao seu estado.

Argumento: o chefão do Planalto aglomera, e o Ceará vive momentos de dificuldades (ele agora voltou suas armas contra o uso das máscaras, o que seus seguidores e devotos vão propagar nas redes).

“Tenho todo respeito à autoridade, mas não posso compactuar com aquilo que considero um grave equívoco”, disse o governador.

Segundo a empresa Inloco, o Ceará apresenta um índice de isolamento social de 37,7%, um patamar elevado para dos dias de hoje (no Brasil, o índice é de 31,8%).

O exemplo do governador Camilo Santana também deveria servir para o seu colega de Alagoas, Renan Filho.

Já com o crescimento das mortes e casos de Covid-19 no estado, o governador convocou aglomerações no interior, levando vários dos seus secretários – com destaque para Ayres da Saúde e Santoro da Fazenda -, já sabendo as consequências que isso vai trazer para a população -também pelo mau exemplo.

(Está no TNH1 de hoje: “A Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag) confirmou a suspensão temporária do atendimento ao público na Central Já! do município de Arapiraca, em razão da contaminação de colaboradores da unidade por Covid-19”. Não é necessariamente pelo maus exemplo, mas é também por causa disso.)

Como compensação, o governo de Alagoas oferece mais leitos de UTI para Covid-19. Parece-me uma lógica perversa, mas ela é cristalina para quem quiser ver.

É possível que Camilo Santana não disponha de R$ 5 bilhões para investir “no que quiser”, mas o que ele demonstra ter o dinheiro não compra.

Em tempo:

O índice de isolamento social em Alagoas é de 33% hoje.

Filho de Luciano Barbosa se prepara para disputar vaga de federal fora do MDB
Renan Filho tem dois nomes para governo-tampão: Fábio Farias e Zé Wanderley
  • Há Lagoas

    Concordo com o governador do Ceará, visita oficial bem que poderia ser no palácio do governo, e não promovendo aglomeração com o povão.
    E a propósito, creio que Renan – Filho e Pai – também não participariam de qualquer comitiva de Bolsonaro, já se fosse o ex-presidente Lula…

  • Jose Adalberto De Almeida

    O que o govervador Renan está esperando prá tomar uma decisão de fechar temporariamente comércio , Bares, restaurantes e praias. Primeiro a vida enquanto ainda existe.

  • Sérgio Eduardo

    Sou eleitor de Bolsonaro mais acho ele errado propagar o n uso de máscaras. Temos sim q usar máscara. E voto sim em Bolsonaro em 22 pois só dele a mais dois anos n vemos corrupção no país .

    • Vida Pura

      É verdade. Até a lava-jato foi extinta por falta de bandido prá prender. Estamos no paraíso!

  • Carlos

    O governador está deslumbrado com os 5 bilhões, que pode garantir se o povo for permitir ser eleito senador e fazer dupla com a palito campeão de processos ( Rui Palmeiras)!
    A COVID 19, que espere pela vacinação…

  • Lima

    Acho interessante esse governador na campanha de prefeito em 2020 não lembrou q aglomerar era proibido.
    Ou durante a campanha o vírus não existia??

  • Lucas Farias

    Prezado Ricardo, o irresponsável que ocupa temporariamente o cargo de presidente da república utilizou, como se pesquisa fosse, uma enquete de internet feita informalmente por professores de uma universidade alemã, sem caráter científico e sem rigor metodológico, conforme eles mesmos admitiram.

    https://g1.globo.com/bemestar/coronavirus/noticia/2021/02/26/bolsonaro-usa-enquete-alema-distorcida-para-criticar-uso-de-mascaras.ghtml

    Os seguidores fanáticos do bolsonarismo não se importam com isso: replicarão as mentiras de seu messias como se verdades absolutas fossem. Este é o perfil do sujeito que, tragado por seus ódios, preconceitos e frustrações, agarra-se com desespero num líder que se pretende salvador da pátria, um redentor que combate o mal. O fanatismo é tão profundo quanto é medíocre o sujeito, incapaz de pensar por si próprio, avesso à ciência e à intelectualidade, porque nela não se reconhece e não compreende. Busca, o sujeito comum, outros medíocres iguais a si, ajam e esbravejem como ele, e um líder que seja porta-voz de suas idiossincrasias mais estúpidas, de seu moralismo fajuto, de sua arrogância ignorante, de seu desejo primitivo por usar da violência verbal e até física contra os que considera indignos, sujos, traidores, imorais. Esse tipo de sujeito, narcisista e inculto, não valoriza nada que não lhe traga um benefício, não sente empatia pela dor alheia nem se solidariza com a dor do oprimido. Para ele, um ególatra irrecuperável, distribuição de renda, combate à desigualdade, igualdade de gêneros e de etnia, tudo isso aí é coisa de gente do mal, que quer destruir o sistema tradicional, opressivo e injusto, no qual se sente confortável para expressar suas ideias e ações eivadas de rancor e medo contra os que ameaçam sua modo de vida. Contra esse sujeito, prezado Ricardo, não há como argumentar com base na razão. Um forte abraço.

  • Renato silva

    Fecha tudo e bom para quem tem o seu todo mês certo eu quero ver os que dizem fecha tudo se não tivesse no final do mês seu salário a maioria cone de Ifood eu queria ver senhor Ricardo Mota se o Sr fosse dono de um Restaurante,loja e como vc pagaria seu funcionário no final do mês para quem tem uma vida estabilizada e fácil falar fecha tudo agora pense no povo das classes mais baixas vamos deixar de hipocrisia e o Governador do ceara não foi ao encontro do Presidente porque ele do PT se o Presidente fosse do PT ele estava lá,vamos parar de utopia

    • Vida Pura

      Renatinho meu querido, deixa eu desenhar prá você: o vírus mata. Se o empregador não pode pagar o salário, venda primeiro sua hilux. Se mesmo assim não der, é função do estado ajudar a população, isso inclui empregados e empregadores. Tem sido assim em todos os países civilizados. Aqui o dono do cofre não quer liberar nem 300 reais. Acorda!

  • Antônio F Magalhães

    Enquanto a maioria da população continuar achando que está tudo normal e que o uso de máscara não resolve, vejo aglomerações de pessoas, principalmente, jovens não dando a mínima importância para a proliferação do vírus. Cabe a cada um de nós a responsabilidade de se cuidar e evitar a contaminação. Esqueça os governantes, todos eles só pensando em seu ” umbigo ” visando verbas e eleições futuras.

  • Carlos

    Concordo em parte com o seu comentário!
    Só esqueceu de citar os fanáticos Lulistas…

  • Pedro

    O Brasil enfrenta três grandes pragas, que se associaram para praticar desgraças, o lulismo, o bolsonarismo e o Covid-19. Agora é esperar que os eles terminem suas sessões de horrores (fechem seus ciclos). Quem sobreviver a essa três mazelas, mesmo tendo de enfrentar a saudade dos que partiram e dos que ainda partirão, terá oportunidade de respirar novos ares.

    • Carlos

      É isso Pedro!
      Concordo plenamente com o seu comentário!
      Lulismo, Bolsonarismo e a COVID 19, com toda sua distruidora de vidas e da economia!
      Conseguiu unir essa praga para dividir os brasileiros.

  • ZIL

    Bozo não vai comprar vacina! Ponto.

  • José Marcio de Medeiros

    Boa noite,

    Vacinas fazem parte de nosso cotidiano, desde criança somos instados a cumprir a cartilha das vacinas de nossos filhos, o que certamente já evitou muitas deficiências, mutilações e mortes.
    O uso de máscaras neste momento, é fundamental para diminuir a velocidade da contaminação.
    O tratamento precoce, com certeza já salvou inúmeras pessoas de ficar em estado mais grave.
    Estão errados os que negam, tanto o tratamento precoce, quanto o uso de máscaras, bem como a vacinação em massa.
    Vivemos uma batalha em que não somos partes e sim vítimas de uma batalha mesquinha, de pessoas que deveriam bem informar os cidadãos e os que deles deveriam cuidar.
    Espero que o povo que se aglomera, que participaram de eventos, pensem, matei meu amigo, meu pai, minha mãe e até quem não conheço.
    Fechar tudo é um absurdo, pedimos que pensem bem, trabalhar em casa é ótimo, como vamos abastecer os carros, fazer o pão, comprar o feijão de cada dia.
    Lute pra não ser um elemento fadado a morrer, ser amputado, ou ser linchado pela população.

  • Tony

    Não me canso de afirma que o Governo é o maior culpado pelas aglomerações e falta de uso de equipamentos de seguranças recomendáveis no combate ao coronavírus. Governador Renan Filho e Prefeito JHC, coloquem seus efetivos nas ruas, mandem prender, multar, seja lá o que for para que seus Decretos sejam obedecidos. Só assim teremos uma queda nos índices de propagação do coronavírus. Comércio, Igrejas, Restaurantes, Órgãos Públicos e demais empreendimentos abertos, cumprindo religiosamente as recomendações sanitárias, não comprometem os índices, mas sim as aglomerações e pessoas circulando pelas ruas sem usar máscara de proteção. Em se tratando de servidores públicos com mais de sessenta anos, não podem trabalhar, mas podem ir à praia, ao mercado, ao supermercado e até viajar. Abram os olhos Governador e Prefeito e façam esse Estado e Maceió produzir para crescer.

  • FELIPE BARROS

    O UNICO MOTIVO DO TAL DO CAMILO NÃO TER IDO AO ENCONTRO COM O PRESIDENTE E PQ ELE E DO PT, E COMO TODO PETISTA ODEIA O BOLSONARO!! SE FOSSE O LULA OU A DILMA ESTARIAM TODOS COMO: MST,CUT,E OUTROS COMPANHEIROS DE MILITANCIA!!! MEU CARO RICARDO VENDO O QUE VC ESCREVEU ACIMA ME PERGUNTO EM QUE MUNDO (BOLHA) VC VIVE.

  • Ferro

    O governador Camilo Santana age de forma correta e que deveria ser seguido por mais gestores, Municipal, Estadual e Federal, além de dar uma grande lição, e realmente o dinheiro não compra a saúde e disponibilizar leitos e se vangloriar com eles, é fazer igual ao PR, querer ver a população morta.