O caso do senador Chico Rodrigues (DEM-RR) é uma prova de que nada pode estar tão ruim que não possa piorar.

Conhecido, já, como Chico Popozudo, o parlamentar é o personagem da semana, com o seu inusitado esconderijo de dinheiro supostamente roubado (R$ 30 mil). Já haviam chegado perto, mas não tão fundo.

Entre as várias discussões que suscita o flagrante monetário de Chico Popozudo, uma delas não parece ter solução na legislação vigente: o local do crime está entre aqueles a que a Constituição garante a inviolabidade?

"Popularidade digital só tem peso para candidato a vereador", diz pesquisador
Todos contra Rui Palmeira na campanha a prefeito de Maceió
  • Há Lagoas

    E pensar que são estas corvos que nos representam em Brasília!
    Em um país sério, renunciava e provavelmente seria preso após célere investigação e julgamento com sentença definitivamente concluída.
    Aqui temos os seus pares, e um judiciário para evitar a justiça!

  • Antonio Moreira

    Quantos desses senhores já foram denunciados por esquemas milionários
    e os supostos crimes são arquivados por falta de provas!

    Dessa vez “esse” foi pego esquentando o dinheiro na boca da botija!
    E agora senadores e justiça?

    Será que ainda está preso o Pastor Everaldo que batizou o homem que disse que acabou a corrupção ?

    O Cliente chegou no balcão da loja e apontou para um pequeno objeto.
    Ele estava um tanto apressado, pagou/passou uma cédula de R$ 2,00(dois)
    para o vendedor.
    O vendedor, não emitiu uma nota e nem entregou o dinheiro ao caixa da loja.
    Por esse motivou ou não, o esperto perdeu o emprego!

  • Antonio Carlos Barbosa

    O senador Popozudo, tem um buraco mais embaixo, largo e profundo.

  • Laskdo

    O presidente Jair Bolsonaro foi muito feliz quando declarou em alto e bom som, justificando o fim da Lava Jato: “Acabei porque não existe mais corrupção “. É a mais pura verdade, agora só existe a CURRUPÇÃO!
    E o Chico Popozudo quando questionado saiu com a essa: “Nádegas a Declarar!”