Mesmo em convalescença, o senador Renan Calheiros não está tendo direito a repouso.

Ele tem sido obrigado pelos fatos a intervir na crise de Arapiraca, mesmo que com uma decisão de força.

A desculpa “legal” para impedir a candidatura do vice em Arapiraca porque “Barbosa não pode renunciar à condição de vice”, é esfarrapada; a consequência política do ato, omitida, esta sim é procedente até a última letra.

O pavor é geral e tem um nome, que não o de Luciano: Marcelo Victor, que poder ser alçado à condição de governador de Alagoas em 2022.

Ou ainda: colocar um preposto no lugar de Renan Filho, escolhido por ele e seus pares.

Não há de se dizer que os deputados estaduais, mesmo os governista, têm lá grande apreço por Renan Filho, que sempre defendeu uma solução radical – a intervenção no Diretório do MDB de Arapiraca.

Mas quem está sendo chamado a agir é Renan pai, na base do “quem pariu Mateus que o embale”.

E aí, uma “amizade sincera”, de “dois irmãos”, está se desmanchando como um punhado de açúcar num pote d’água.

 

Caciques se articulam para tirar Cícero Almeida da disputa em Maceió
As mágoas de Luciano que levaram à "intervenção branca" no MDB de Arapiraca
  • Saogala

    É preciso muito soro antiofídico para o senador, diante de tantas serpentes!
    Espero que o estoque do Butantã esteja a disposição…

  • Sampaio

    Esse governador é sua turma vai sentir a dor que todos os funcionários público estão sentindo. principalmente os aposentados é pensionista, quando vejo que perdi meu plano de saúde é outros colegas relatando que também deixaram de pagar, porque um ditador é seus moleques assim assim quiseram. Mais o dia tá chegando , atenção aposentados é pensionista e todos os funcionários público é parentes vamos dá a resposta!

  • A PIADA DA DÉCADA OU SERIA DO SÉCULO?

    Os Senadores por Alagoas (Como esse povo vota bem, meu Deus!) Fernando Collor (PROS) e Renan Calheiros (MDB) estavam no inferno (de passeio ou para ficar?), mergulhados em bacias de lama ardente. Collor, atolado até o pescoço, reclamava com o diabo: por que Renan, “que aprontou todas em 40 anos de vida pública”, estava com a lama só até a cintura? “É que ele está sentado em cima da cabeça do Luciano Barbosa, popular Luciano dos Teclados”, respondeu o “demo”.

  • ZIL

    Por isso que vou de JHC para prefeito de Maceió! Dr. Alfredo Gaspar se queimou com o apoio dessa turma, Rui Palmeira e Renan Calheiros! “Dois Sem futuro” Um acabou com a bela Maceió e outro esta acabando com Alagoas.