Talvez o nome mais reluzente, entre os integrantes desse clube, ainda seja o ex-ministro Weintraub. Mas dele também fazem parte o embaixador Ernesto Araújo, o presidente da Fundação Palmares, Sérgio Camargo, e, principalmente, o 02 – Carlos Bolsonaro.

O que eles dizem e pregam é tão estranho que “não serve nem pra ser mentira”, numa frase que os cientistas – pra valer – adoram usar. Para o resto do mundo trazem perplexidade.

“Vírus comunista”, “nazismo de esquerda”, a paranoia cotidiana, tudo faz desse clube a representação de momento único da vida brasileira.

Carlos, o 02, promete trazer revelações: “Surpresas virão”, disse nas suas redes antissociais.

Ledo engano: nada, vindo dele, há de surpreender.

Por toda a minha vida
Esposa do Queiroz segue conselho de ministro do STJ e volta para casa
  • Pedro

    De Fernando Collor até hoje, só o velho Imar Franco tinha uns “desvios” que podemos chamar virtudes. Depois vieram FHC, Lula, Dilma, Temer e, por fim, a lástima que aí está. A corrupção virou parte importante do currículo dos presidentes e seus seguidores. O atual é o mais perverso, pois tenta desqualificar as informações, sobretudo as oriundas da imprensa e da ciência, para espelhar falsidades no submundo das redes sociais e igrejas escatológicas e mercadológicas.

  • Diogo

    Relaxa colunista.

    Rumo ao segundo mandato… democrático.
    Bom final de semana.

  • Antonio Moreira

    Misericórdia !
    Sangue de Cristo tem puder!
    Está repreendido em nome Jesus!!!
    O satanás está vencido, amarrado e derrotado.
    Rumo democraticamente para o inferno.
    com gripezinha e tudo.
    Amém.

  • Alagoano T

    Apesar de não ser fã de Bolsonaro, prefiro esses loucos a Paloci, José Dircel, Lula, Dilma, Vaccari, Mantega, Genuíno, Temer, Gerdel, Serra, Aécio e etc. Loucura psiquiatra pode tratar, mas a roubalheira doentia dessa turma não!

  • Fernando

    OMS declara que cloroquina está sendo testada no Bolsonaro para depois ser testada em humanos!

  • Carlos

    A estrema esquerda e a estrema direita! Elas se merecem.