A volta da discussão sobre o aumento do preço da passagem de ônibus em Maceió nos remete a uma velha verdade: serviço caro é serviço ruim.

E assim tem sido ao longo dos anos na capital alagoana – e em quase todo o país.

O preço atual da tarifa, por aqui, foi congelado no valor de R$ 3,65. Não está entre maiores do país, mas o transporte coletivo urbano de Maceió é um dos piores considerando todas as capitais brasileiras.

É evidente que este – transporte coletivo – já não é o grande negócio de outros tempos, mas, no final das contas, uma população empobrecida termina por pagar mais do que pode por um serviço aquém do que merece.

Não dá continuar a discutir tarifa de ônibus urbano apenas no âmbito municipal, porque o resultado será sempre o mesmo: aumento de valor, sem melhora de qualidade.

Lembremos que as manifestações de junho de 2013 tiveram como ponto de partida a majoração da passagem de ônibus.  Então, surgiu a possibilidade do envolvimento de todas as três esferas de poder no debate sobre o tema.

Não aconteceu nada além do que sempre acontece: a população é maltratada e ainda paga mais caro por isso, com o novo preço da passagem em 2020.

Polícia Federal embaralha as eleições municipais em Arapiraca
Críticas à direita e à esquerda sinalizam que o pacote anticrime é melhor que a encomenda
  • JEu

    Enquanto existir ganância, corrupção, vaidades e orgulho desmedidos, então não teremos nunca um estado fundamentado na justiça social… ou, por outras palavras, fundamentado na dignidade inerente ao ser humano, como dito nos escritos dos direitos humanos universais… porém, existem situações bem melhores em vários outros países… então, o que nos falta para nos aproximarmos deles?!!! e o interessante destacar é que, nesses países, a corrupção foi praticamente extinta… será que quer dizer alguma coisa?!!!

  • Há Lagoas

    Empresários gananciosos, transporte clandestino a todo vapor e fiscalização insipiente. Pronto, temos uma excelente receita para penalizar a população.
    Passaram-se quantos anos deste a licitação do transporte público na capital? E até agora nem ao menos o novo layout dos ônibus foi mudado em 100% da frota! O que dizer de ônibus com ar-condicionado, ou carro articulado para melhor conforto do usuário?
    Enquanto isso, o VLT – um excelente modal – que poderia auxiliar na mobilidade urbana é relegado a segundo plano.
    Reza a lenda que Benedito de Lira já tinha conseguido a liberação de parte do investimento para a expansão do VLT até o bairro de Mangabeiras. Sua saída do Senado estornou essa grana? Como? Ninguém vai defender esse projeto em Brasília?
    E o que dizer do VLT da Fernandes Lima que Renan – o filho – prometeu que os chineses encaparia a ideia e logo teríamos novidade – inclusive com passageiros ilustres como o nobre blogueiro – que está cansado de transito congestionado?
    Enquanto isso, utilizemos as latas de sardinha e paguemos pelo preço da ineficiência…

  • Consigliere Alagoano

    **

    O lobby é PESADO, Vereadores SABEM.

    Mas não há muito o q fazer, notadamente hoje, eles MUDAM as ROTAS com pesquisas de FLUXO duvidosas, por órgão contratados por eles.
    A Prefeitura é quem concede o uso da MALHA, deve olhar com mais atenção.

    *** EM TEMPO – SMTT ***

    Assim com o Taxistas e Motoristas de APP, a SMTT deve fazer mais apreensão de ônibus com idade FORA dos parâmetros ATUAIS.
    UMA DIGA DESTE CONSIGLIERE….
    PONTAL – UFAL
    TRAPICHE – UFAL
    CIRCULAR I e CIRCULAR II

    São NOTADAMENTE exemplos de ônibus VELHO e FORA do que a SMTT , tem que FISCALIZAR.

    **

  • Ruslan Reis Queiroz

    .

    #VETARUI

    .

    R$ 3,85 – Pesa menos q R$ 4,10 [ Sem medo de GREVES – COLATERAIS ]

  • ALAGOANO

    É uma imoralidade esse pedido de aumento nas passagens de ônibus em Maceió. Chega a ser um pedido esdrúxulo dos barões das empresas de transporte coletivo da capital. Quem utiliza os coletivos sabe muito bem dos estados de conservações, que os motoristas e cobradores se acham os donos da empresa e tratam com falta de educação os usuários. Constantemente é possível ver bate-boca entre usuários, motoristas e cobradores, estes dois últimos não tem o menor trato para saber lidar com o público. Trabalham como se fizessem favor a quem depende do transporte público. Foi realizada uma licitação por parte da Prefeitura de Maceió e até hoje nós esperamos os tão sonhados ônibus novos?? Cadê os ônibus novos? O que fazem os ônibus novos? O que comem? Onde vivem? O valor da passagem deveria ser de R$ 3,00 e está de bom tamanho pela qualidade do serviço e pela falta de ônibus para atender a população e não me venham com essa estória para boi dormir de que as empresas de ônibus estão tendo prejuízo e estão perdendo passageiros para os clandestinos, isso tudo é mentira dita mil vezes. Para falar a verdade, na outra vida quero ser dono de empresa de ônibus porque os mesmos passam por cima de tudo, de todos e fazem o que querem. Maceió é uma cidade que faz calor o ano inteiro e não tem um ônibus com ar-condicionado para proporcionar um mínimo de conforto para nós usuários. Realmente, é uma palhaçada esse pedido de aumento nas passagens.