A prefeitura de Maceió também vai receber “oxigênio” no final deste ano.

Graças, ressalte-se a pressão dos prefeitos e da ação dos congressistas, Maceió vai receber da cessão onerosa – o leilão do pré-sal, marcado para novembro – pelo menos R$ 46 milhões, a maior parte (R$ 30 mi) já no dia 27 de dezembro.

O dinheiro, que poderá ser usado para cobrir o rombo da previdência ou para investimentos, ainda pode subir de valor, a depender do resultado do leilão.

A boa notícia é que mais de uma dezena de empresas já demonstraram interesse no negócio, estimado inicialmente em R$ 106 bilhões.

Ou seja: a expectativa é de a disputa resultará em ágio – e aí ganham todos – União, estados e municípios.

Bolsonaro roda, roda e cai nos braços do MDB
Conheça todos os homens do presidente Bolsonaro
  • JEu

    Aleluia… aleluia… notícias alvissareiras para todos… até que enfim… só precisa privatizar um pouco mais da Petrobras… exemplo que precisa ser seguido por Estados e Municípios… afinal, só não devem ser privatizados os serviços públicos de saúde, educação, segurança e recolhimento das taxas devidas ao erário público…

  • Há Lagoas

    Maceió precisa de investimentos estruturais.
    E quanto as obras que a prefeitura diz que está fazendo, precisa urgentemente ser acelerada.
    Rui não pode passar para história como o prefeito mais letárgico de Maceió! Uma coisa é temperamento, Rui pode continuar sendo o fleumático que sempre foi, mas o gestor não pode dar-se ao luxo de ser modorrento.

  • Paulo S Damasceno

    Só não deixem esse dinheiro cair nas mãos de políticos senão vai servir para um feliz natal deles e suas famílias! Vamos ficar de olho e denunciar alguns desvios, vamos fazer uma campanha ( Povo administrando e entregando os corruptos).

  • Carlos

    Que coisa boa é bom ser aplicado esse dinheiro e com certeza os valores que deve passar dos 46 milhões com o ágio… Já o estado também vai receber muito mais e no entanto os servidores não pode contar com esse para reajustar ás perdas salariais. A previdência e investimento onde os recursos pode serem usados…Se assim fosse para reajustar os servidores com certeza iam receber uma desculpa esfarrapadas do desnaturado governador Renan Filho e grana ia para o poder judiciário e assembleia legislativa. ABAIXO O CORONELISMO DA POLITICA ALAGOANA.

  • jezualdo

    Vendendo o Brasil só pra receber 46 milhões. Nosso país vai ficar na miséria com esse leilão e ainda vai morrer com tamanha felicidade.
    Na verdade deveria era mudar as Leis e penalizar esses bandidos corruptos que desviam o dinheiro público e não vender um bem tão precioso que é a nossa energia e demais empresas públicas.
    46 milhões acabam rápido e depois aleluia.

  • Melinto

    Só Maceió receberá 46 milhões, somando todos Municípios e o Estado de Alagora a soma poderá chegar a 1 bilhão, dingeiro jamais visto vindo do Govetno Federal. Agora só vai depender de cada prefrito ou Governador a melhor gorma de fazer chegar essa verba em benefícios ao ao povo.Infeluzmente o ser humano é muito mesquinho e defende só seus interesses, esquecenfo daqueles que mais necessitam, ainda tem muita gente que está bem empregado, com todas as garantias trabalhistas e ainda defendem o uso dessa verba para aumentos, inchaço , da folha de pagamentos que em muitos Estados superam os 60% das despesas.Gostaria que todos prefeitos tivesssem a Prefeita, Inara, de São Domingos do Cariri como exemplo de boa Gestão pública.

    • Carlos

      Melinto , enganado não vi nenhum comentário de aumento de salario que é uma coisa que não existe há muito tempo e sim de parte das perdas salarias onde o desnaturado governador Renan Filho, e aí sim que dá aumento acima da inflação para o Judiciário e a famigerada Assembleia Legislativa e foi ventilado no comentário se o dinheiro “pudessem “ser usado para este fim e assim mesmo era negado para os famintos servidores públicos e no entanto um bom momante seria destinado para os goelas grande do Legislativo e Judiciário. Sua revolta de ver os servidores na miséria não vai resolver os seus problemas não.

  • Mário

    Tenho cá minhas dúvidas sobre esse montante ser utilizado de forma correta.
    “Dinheiro na mão é vendaval
    É vendaval
    Na vida de um sonhador
    De um sonhador
    Quanta gente aí se engana
    E cai da cama
    Com toda a ilusão que sonhou
    E a grandeza se desfaz
    Quando a solidão é mais
    Alguém já falou
    Mas é preciso viver
    E viver não é brincadeira não
    Quando o jeito é se virar
    Cada um trata de si
    Irmão desconhece irmão
    E aí dinheiro na mão é vendaval
    Dinheiro na mão é solução
    E solidão”
    Música: Pecado Capital (Mestre Paulinho da Viola).
    s.m.j.

  • Alves

    . . .muito Bom, o Q da questão, verba carimbada, p/ o Natal de muita Gente, difícil controlar recursos, nesse estado. . . Fiscalização ” 0 “. . .

  • José Márcio Ribeiro

    POR FAVOR, UMA NOVA CEASA, PREFEITO!!!