Faltando, ainda, mais de um ano para as eleições municipais, a disputa pela prefeitura de Maceió possui pelo menos uma certeza (se é que podemos ter alguma certeza na vida – fora aquela): JHC é candidato à sucessão de Rui Palmeira. Muito provavelmente com o apoio do PSDB, de Rodrigo Cunha, mas sem o atual prefeito da capital.

É interessante destacar que a dúvida hoje parece ganhar ainda mais importância do que aquilo que está posto. Eis a pergunta: o procurador-geral de Justiça Alfredo Gaspar de Mendonça vai para o embate eleitoral com o candidato do PSB? E se for, qual será o partido que vai abrigá-lo com esse objetivo?

Estas são algumas das questões que o chefe do Ministério Público enfrenta e que não são fáceis de responder. Alfredo Gaspar sabe que esta, provavelmente, será a última chance que ele terá para enfrentar, com popularidade e força, uma eleição majoritária. Se decidir pela carreira política, vai ter de abandonar a profissão que exerce – e bem – e que lhe garante prestígio e respeito junto a uma parcela significativa da população – ou eleitorado, dá no mesmo.

E não paremos por aí: em sendo candidato, o PGJ tem dois possíveis aliados (inconciliáveis): o governador Renan Filho, que o quer no MDB – para onde ele não deve ir -, e Rui Palmeira, de malas e bagagens prontas para desembarcar no Podemos, de Álvaro Dias (embora o senador  não mande em nada por lá).

Enfim, com Gaspar, a disputa com JHC será de igual para igual.

Os demais nomes postos na mesa são apostas em quem ninguém parece disposto a depositar um número significativo de fichas: Maurício Quintella, de um lado, Marcelo Palmeira (que agora assina Guerreiro), do outro e – quem sabe? – Ronaldo Lessa, que andou perdendo tempo e fôlego nas hostes palacianas.

Ainda há tempo para a formação dos palanques, mas na era das redes, até piaba pode virar tubarão.

O depoimento apaixonado de Vera Ferreira, neta de Lampião e Maria Bonita
De Collor a Bolsonaro, o trabalho infantil no Brasil
  • Alex Geraldo

    Um nome muito forte que vem surgindo no cenário político é do Deputado Estadual Cabo Bebeto. Pesquisas apontam o mesmo na frente de muito político de carreira.

  • JEu

    Eu acho mesmo é que piaba tem que derrotar os tubarões … e por que não?!!! afinal, vivemos em uma democracia e o povo está cheio dos tais “tubarões” que “abocanham” todos os setores públicos e os recursos existentes… então, sob esse ponto de vista, as redes sociais são verdadeira virtuosidades… mesmo que alguns tenham receios por seus interesses… e quanto ao Alfredo Gaspar, espero que vá mesmo o lado do Podemos, pois Álvaro Dias apoia o governo Bolsonaro e, portanto, está no caminho correto das boas mudanças tão esperadas pelo povo brasileiro… e podem começar a chorar…

  • Maria

    Mesmo que o momento seja propicio para a novidade, o sistema favorece quem está ali e a prioridade dos mais conhecidos é se “reinventar”,tentar vencer a descrença da população em relação a partidos,coligações publicas/privadas e empresariais duvidosas, propagandas enganosas e nomes “sujos” da velha e nova política alagoana. Mesmo assim não será real, pois tudo continuará nas mãos dos mesmos.

  • Maria 2

    Por outro lado o grande rechaço da política vem da juventude, do desejo de mudança e do desejo de ter quem os represente. Os mesmos se mobilizam como formadores de opinião ativos e conscientes de que precisa sair do individualismo para pensar no coletivo e também existem aqueles que compõem minorias, ou segmentos socialmente atingidos que podem se sobressair não permitindo se deixar enganar.

  • Maria 3

    É preciso renovar com consciência, e não banalizar o voto, pois não existem “salvadores da pátria”. E muitas vezes o discurso de “nova política” não funciona. O que a população espera tem mais a ver com fazer a coisa certa, usar novos métodos, novos conceitos… Novos atores com baixa oxigenação dispostos a contribuir com a necessidade da população sem cortinas de fumaça. (Mostrar fazendo do que falando que vai fazer). Acredito que as próximas eleições vão ter muitos candidatos e muitas incertezas também. “O PROBLEMA MUITAS VEZES ESTÁ NO POLITICO, MAS A SOLUÇÃO ESTÁ NA POLITICA”

  • williams Roger

    De igual pra igual nada.
    jhc4040 Não se junta com os Calheiros. JHC É O PREFEITO, ELEITO, POR MACEIÓ. Agora, o restante, é tudo verdade. Nada prospera contra o Estado e os seus. E provo: Parabéns Dr. Gaspar. Tá no caminho certo. Também, vamos combater as prevaricações nas instituições e órgãos públicos de Alagoas.
    Diz um ditado: PIOR DO QUE A CORRUPÇÃO DOS POLÍTICOS E AGENTES PÚBLICOS, É A PREVARICAÇÃO DAS INSTITUIÇÕES!

    https://eassim.net/r-240-milhoes-em-contratos-irregulares-collor-e-denunciado-na-pgr/

    Procedimento Extrajudicial Nº
    👉 09.2019.00000857-7 👈 O PRÓXIMO GOVERNADOR DE ALAGOAS É rodrigocunhaal. E jopereira__ COMO VICE

  • Pedro

    Se ele quiser se queimar perante a opinião da população de Maceió, que se alie aos Calheiros(seja no MDB ou em outro partido), todo mundo sabe que os Calheiros não são bem vindos em Maceió. “Quem se mistura com porcos, farelo come.”

  • MÁRIO

    O que esse dep. tem feito pelo estado de Alagoas, a não ser muita mídia digital e coisa que o valha. Alagoas é o número 1 em tudo que não presta(inclusive analfabetismo), o povo morrendo por falta de leitos em hospitais, sequer cirurgia de mioma se consegue. Esse rapaz só teve meu voto uma vez, mas me acordei e vi que o mundo não é digital e sim o mundo é real. Grande multidão desempregada, muitos passando fome e sede, sem saúde, educação e sem nenhuma perspectiva de vida. Votei em um senador novo e mais uma vez me decepcionei. Alagoas era feliz e não sabia. Acorda Alagoas!

  • Carlos

    Tenho minhas dúvidas em relação ao wdoutor Gaspar é frequentemente visto no palácio república dos Palmares e que ele trara com o desnaturado governador eu não sei e no entanto eu acho que ele só sai candidato com o apoio fechado dos Calheiros! Tem uma visão firme na área de segurança e se identifica bem com o mito Bolsonaro!

  • Carlos

    Quem se juntar na política com os Calheiros e Beltrão! O troco é flechas pretas ou melhor rasteiras! Aqui em Coruripe a velha guarda que acreditou no Beltrão ficaram além mar ou melhor a vê navio! Ronaldo Lessa já levou rasteira dos Beltrão e agora dos Calheiros e ele sabe quem faz esse comentários é o Carlos de Coruripe!