Os envolvidos na elaboração do Plano de Ações para o Pinheiro, Bebedouro e Mutange estão se reunindo diariamente, devendo concluir suas discussões na próxima sexta-feira.

A maior preocupação agora é com os moradores do Mutange, cerca de 1.300 famílias, que deverão se mudar das suas casas (mesmo que humildes).

Para onde elas vão e a partir de quando receberão o aluguel social – a ser pago pela Defesa Civil Nacional?

São as perguntas postas na mesa hoje.

"Só aumento de contribuição de servidores pode reduzir rombo da Previdência em AL", diz secretário
Renan Filho repete viagem de Collor à China 32 anos depois
  • Morador de Bebedouro

    Sinceramente, acho que esse grupo de trabalho, está mais perdido de que “cachorro quando cai de mudança” Como é que esse pessoal irá fazer um planejamento estratégico, se eles nunca passaram, sequer para saber quantos moradores tem na área mais critica no mutange e em bebedouro. Por exemplo Condomínio Bosque Mundaú, e demais áreas de Bebedouro. Será mais um mapa de ações furado. Gente, ainda não existe um levantamento populacional dessas regiões. Segundo o novo mapa de risco, o Condomínio Bosque Mundaú. Está na área já alagada e em cima de crateras, que pode afundar a qualquer momento. Pasmem os senhores. Até agora não apareceu ninguém da prefeitura ou defesa civil, para sequer nos orientar. A Conversa é, tem que evacuar urgente. Como é que iremos abandonar nossas casas sem nenhuma garantia. O que está acontecendo é muito humilhante, para com as pessoas. Até mesmo o seguro habitacional a caixa não quer pagar. Mesmo com todo esse novo mapa. A seguradora diz que a casa está intacta e não pode fazer nada. E COM A TRAGEDIA CAUSADA PELA BRASKEM. A MESMA CONTINUA DIZENDO QUE NÃO IRÁ INDENIZAR NINGUÉM, E AS AUTORIDADES NÃO FAZEM NADA.
    TEMOS 27 DEPUTADOS ESTADUAIS COVARDES
    TEMOS 9 DEPUTADOS FEDERAIS COVARDES
    TEMOS 3 SENADORES COVARDES
    TEMOS 20 VEREADORES COVARDES, PORQUE APENAS 1 ABRAÇOU ESSA CAUSA.
    TRISTE FIM DA CIDADE DE MACEIÓ. PORQUE ESSAS CRATERAS JÁ ESTÃO SE ESPALHANDO A OUTROS BAIRROS.

  • JEu

    Creio que o aluguel social deveria ser pago pela Braskem… afinal, ela é a maior causadora do desastre nessas áreas… e se não quiser pagar, é só os órgãos ambientais começarem a aplicar as devidas multas e a justiça conceder o bloqueio dos R$ 6,7 bilhões pedidos pelo MP/AL e Defensoria Pública do Estado… o que estão esperando para as ações da administração pública? por que será?!!!

  • Observador

    Se a situação dos moradores é realmente crítica (sujeita a tragédia), por que não já ir começando estudo/projeto para construir um residencial com toda a estrutura, só para esses moradores? E vão pagar aluguel social até quando? E se houver um afundamento/deslizamento durante uma noite/madrugada que pode ser hoje, amanhã, depois de amanhã, etc.? Estão esperando acontecer uma tragédia?

  • jorge

    Eu não entendo, nessa tal rela´torio, cita que bebedouro e mutange precisa ser evacuado. Evacuado as casas? só os moradores? A principal via que liga esses bairros porque ate hoje está liberada? a vai ser um caus, a cidade vai parar, então deixa os carros. Vamos lá, de acordo com o relatório o caso é grave, entao vamos imaginar o congestionamento na região e o solo começa a afundar? e ai, será alguma autoridade passando no local? Duvido muito. Precisamos ficar atento a tudo isso.