O site The Intercept Brasil avisa que tem muito mais revelar das conversas entre o ex-juiz Sérgio Moro e a força-tarefa a Lava Jato em Curitiba.

E o que vem por aí pode ser ainda pior.

Fato concreto é que aquilo que já se sabe revela pelo menos uma verdade: o Ministério Público Federal seguia as ordens do magistrado, em Curitiba, inclusive para realizar operações e apresentar denúncias. Ele mandava, os procuradores de Dallagnol faziam.

Independência?

Que nada.

Não sei se o conteúdo divulgado será suficiente para anular os julgamentos presididos pelo atual ministro da Justiça – inclusive o do ex-presidente Lula -, ainda que o que foi apurado não seja descartado.

Que os juristas brasileiros – são mais de um milhão – entrem num improvável acordo sobre o tema.

O que também me parece claro: o compromisso assumido com Moro pelo presidente Bolsonaro (que o revelou), de fazê-lo ministro do STF, foi para o espaço.

E, cá pra nós, não acredito que os dados e conversas apresentados sejam fruto da ação de algum hacker, como afirmam os integrantes da força-tarefa (o vazamento das informações é muito semelhante ao que vimos no período em que o ministro era juiz).

Isso me parece fogo amigo – resta saber onde começou a chama.

Renan Filho repete viagem de Collor à China 32 anos depois
Nonô se reúne com Renan Filho no Palácio República dos Palmares
  • Claudio Tavares

    A justiça brasileira já vinha sendo estuprada há muito tempo. As delações premiadas, as prisões preventivas, os vazamentos… tudo muito seletivo e com claros critérios de parcialidade. O vazamento é a sex tape da promiscuidade entre juiz e MP.

  • Antonio Carlos de Almeida Barbosa

    Independentemente de novas conversas reveladas, o Lula será sempre um criminoso, Ladrão, juntamente com os Petistas José Dirceu, Vaccari, Delúbio, como também Eduardo Cunha, Sérgio Cabral e outros com foro privilegiado, que não podemos citar os nomes, pois o STF não julga ninguém. Nada mudará os fatos apurados contra a quadrilha que montou o maior esquema de corrupção que o Brasil já viu, tudo com a benção do Lula, dos petistas e dos partidos da base aliada, PP, PTB, PDT, PMDB….
    Quem fala contra a operação Lava jato, é bandido. Todos os processos com condenações formalizadas pelo Juiz Sérgio Moro, foram objeto de recurso para todas as instâncias e na grande maioria, confirmados pelos tribunais.
    Infelizmente, vejo que quem está festejando, e criando pontos para enfraquecer a Lava Jato, são os criminosos condenados, como o Lula, Temer, os petistas, os políticos do Centrão, e para não dizer que não falei das flores, gente como Gilmar Mendes, Toffoli e outros do mesmo naipe.
    Devemos sim, continuar prestigiando o MPF, o ex-juiz Sérgio Moro, que foi quem desbaratou a maior quadrilha dos maiores bandidos da história do Brasil, os maiores assaltantes dos cofres públicos, como o marginal do Lula, José Dirceu e os companheiros petistas, e os políticos do PMDB, PP, PTB e demais organizações criminosas.
    Aqui no nosso Estado, os Taturanas, Guabirus, Rodoleiros, todos soltos e serelepes, não cumprem a pena, e continuam na mesma prática, pois já tivemos a Gaubiru II e nada de condenações.
    Lugar de corrupto é na cadeia. A corrupção é crime hediondo, é crime contra a humanidade.
    Mota, Lula abençoo toda a corrupção no governo dele e da Dilma, isso é fato.
    Jamais os condenados pelo Juiz Sérgio Moro, conseguiram provar inocência, não existe como se contestar, contra fatos e provas não existem argumentos, defesa, somente se amparam em defesa de procedimentos processuais, nada de atacar o mérito das denúncias ou condenações.
    Enfim, Lula e os demais da quadrilha, continuaram criminosos, são um quadrilha de ladrões, e o resto é conversa fiada.

  • Edemir

    E o que importa isso? A chave principal é o combate a esses marginais,se um era subordinado ou não a outro, é secundário. A conversa versa em estreitar ações jurídicas,que mal tem ? O amigo é muito crítico quando o assunto é da direita,na esquerda vc flexiona. E viva a lava jato.

  • Adilio Faustini

    Sou a favor que as Universidades Publicas cobrem dos alunos os Cursos.Seria como o Fies, ao matricular-se o Aluno assinaria um contrato com um fiador que depois de 2 ou 3 anos de formado o aluno pagaria uma mensalidade que varia de acordo com o tempo de pagamento a escolha, 5 anos, 7 anos ou 10 anos com mensalidades baixas entre 300,00 a 700,00 mensais.Não é justo que o pobre financie N pessoas e depois muitas delas vão prestar serviços no exterior sem retribuir ao Brasil os impostos pagos pelos pobres.Se o camarada mudar para o exterior e não pagar o Fiador é responsabilizado pela dívida.

  • Fernando

    Uma grande decepção, pois acreditava e adimirava no juiz Moro, agora vejo que ele não era diferente dos corruptos que condenou. Ele virou bandido pra condenar os bandidos. Na época do Aécio Neves ele fez tudo pra salvar a pele dele. Agora tenho certeza que ele não era parcial e se não era não era um juiz. Mas uma coisa é certa, o presidente Jair Bolsonaro não tem nada haver com isso, inclusive o Moro vai acabar sendo demitido por ele.

  • Johann Sebastian Bach

    4 bilhões recuperados pela lava jato e comprovação do maior esquema de corrupção do mundo… Não precisa dizer mais nada né não RM. Apoio incondicional a Lava Jato!!!

    Interceptar o celular do Sergio Moro é fácil.
    O impossível é alguém interceptar os celulares dos advogados do Adélio???

    É ou não é RM…

    KKKKKKKKKKKKKKKKK…

    Viva São Pedro, São João, vivaaaaa…

  • Edson

    O “comentarista” aí acima relativiza o crime, o outro mais acima fala de ladrões, não cita ninguém do PSL.
    E segue o jogo e a estupidez fascista.

  • Marcelo Silva

    Sinceramente, até agora ainda não vi nada de forjar provas contra o ex-Presidente Lula, ele continua o ladrão que sempre foi, mas como o Brasil é brasil, é capaz do ladrão de colarinho branco se safar mais uma vez.

  • Maricota

    Pelo jeito vc não leu a conversa. Para mim, a pior coisa é uma quadrilha violar o sigilo do Ministério Público Federal. Se isso não assustou vc, fica meio estranho.

  • EX ELEITOR

    DO JEITO QUE A COISA CAMINHA VAI TERMINAR O LULA LADRÃO SOLTO E MORO INDO PRESO NO LUGAR DELE, COISA DO BRASIL INVERSÃO DE VALORES.

  • ARMANDO

    Enfim, o Brasil não é para principiantes!

  • Vera

    Nada disso tira o mérito do trabalho limpo, do ministro Moro.
    Pelo contrário, mostra como incomoda a tanta gente, a limpeza que vem sendo feita, através da operação Lava-Jato.

  • João inconformado

    Boa Edemir

  • Democracia ao PONTO: garçon + 1 cana, tira gosto SARDINHA péÓóRrrrr sem ELA!

    Ôi, Ricardo … aqui na Pta VERDE do fio da meada que leva à Ponta GROSSA de testa PLANALTA!
    caminhando na ORLA à Téo VIL, + tarde cachaças de Viçosa a degustar no DF, altos planos!
    > Enquanto eu corria, ia lhe chamar enquanto corria a barca: p MÁ cabeça num passava SÓ!
    – Assim Vc vai CÊ: preta preta pretinha abre porta e janela, vem ver o sol nascer pássaro avoando
    # Vivo avoando SEM nunca + parar: ai Ai! Ai Ai! Saudade, num venha me matar [1972, o6′ 37″]
    https://youtu.be/0FVPQzKw9bk

  • GOMES

    Querem transformar os mocinhos em bandidos e os bandidos em mocinhos, foi fundamental essa força tarefa integrada para combater uma grande e sofisticada quadrilha que roubava o país desenfreadamente e infelizmente a grande imprensa desse país está apoiando os bandidos, realmente é lamentável!!! O Brasil tem uma dívida impagável a lava jato e ao ex juiz Sérgio Moro, com certeza a população honesta estará sempre ao seu lado.

  • JEu

    Quem vê nessas conversas algo de tão extraordinário, com certeza não deve se atentar aos fatos (nunca narrados…) das “negociatas” feitas (sempre por baixo dos panos…) entre advogados, políticos, empresários, etc, etc, com altas “autoridades” da justiça brasileira (em sua maioria integrantes das alçadas superiores, sejam a nível estadual, sejam a nível federal…) resultando em sérios prejuízos para o “direito” e para a “verdadeira justiça”, sempre com favorecimentos diversos aos “privilegiados” do poder… agora, se havia conversas e entendimentos entre o Sérgio Moro com o Deltan Dallangnol, foram todo, como provado, no interesse do combate ao crime e à corrupção… se houve alguma “ilegalidade”, como certeza não houve nenhuma “imoralidade” no comportamento dos mesmos, isso é o que deve ser ressaltado, pois o resultado de tudo isso é que houve um “arrefecimento” nos caos escabrosos de desvios multibilionários do erário público brasileiro… somente o povo e a história é que poderão julgar essas pessoas, e não alguns “inconformados” porque seus “amigos” criminosos estão na cadeia ou porque não concordam com a forma bastante isenta e transparente do novo governo, que, inclusive, cortou a “boquinha” da mídia interesseira… o resto é só choradeira de quem tem medo do que lhes pode acontecer no futuro… a PF e o MPF vai continuar de olho neles…

    • Adilio Faustini

      Se o que gizeram com Sérgio Moro, então não sei o que é espionagem. Não deveriam serem enquadrados na LSN, Lei da Segurança Nacional?

  • breno

    Ricardo Mota não publica meu comentário,. Se diz tão democrático mas não aguenta ouvir a verdade,

  • Adson Freire

    Uma pergunta que não quer calar, caro Ricardo: o Lulinha Nove Dedos é inocente? Tudo isso foi “urdido” para condenar a “alma mais honesta do Brasil”? Será que os bilhões desviados do erário público pelo PT foi apenas um sonho de uma noite de verão? Com a palavra o jornalista…