A Taurus, maior indústria de armas do Brasil, vai deixar de ganhar já, imediatamente, R$ 20 milhões com o cancelamento da encomenda de dois mil fuzis T4, que a empresa havia recebido desde o presidente Bolsonaro baixou o Decreto das Armas para todos (os que podem pagar, é claro).

O decreto agora, sabe-se, vetou a fuzilaria. Cada brinquedinho desses – um fuzil – custa R$ 10 mil. Uma arma de grosso calibre e dimensão, o que revela (será?) que nós vivemos numa sociedade falocêntrica.

Talvez por isso, mais de 70% das mulheres entrevistadas pelo Paraná Pesquisas, na semana passada, se disseram contra ter uma arma dentro de casa.

É o instinto de preservação de gênero e, também, da espécie.

Não por acaso, foram os governadores do Norte e Nordeste, Renan Filho entre estes, que pediram em carta aberta a revogação – e não apenas a mudança – do decreto tão amado pelos armados.

Estão nas duas regiões os mais elevados índices de violência contra a vida, de assassinatos, e os governadores conhecem o tamanho do esforço para reduzir essa tragédia.

Para eles, mais armas, mais mortes (para mim, também).

 

Cresce a dúvida sobre quem vai bancar a conta no Pinheiro, Mutange e Bebedouro
Traficante morto ontem em Maceió tinha arma roubada da Polícia Civil - e daí?
  • Glorioso

    FORA $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$ENTRÃO E LULISTAS.
    DERAM UMA RASTEIRA NO MINISTRO DA JUSTIÇA SERGIO MORO, MAS O ELEITOR DO BEM ESTARÁ NAS RUAS BRASILEIRA PARA EXIGIR A QUEDA DOS ATUAM A MARGEM DA LEI.

    • Zé MCZ

      A recomendação para quem for dia 26 de maio é que vá vestido de laranja! E se for fantasiado, bem apropriado! Um mundo de Queiroz! Inclusive com a máscara dele! Assim ficará impossível o achar! Ninguém vai mais perguntar: Onde está o Queiroz!? Cadê o Queiroz!? Eu já não aguento mais ouvir isso!
      Olha, já se forem de amarelo poderá ser um presságio, porque na última manifestação de solidariedade que fizeram o outro Jesuíno Galo Doido caiu! Estou alertando…
      Tomara que caia mesmo!
      Será tão lindo ver um imenso laranjal na beira mar!
      #euvoteiemamoedo
      Eu não! Foram os amarelos seguidores do Malvado Favorito!
      Então está explicado a predileção pela cor! Que vão! Estou torcendo fervorosamente!
      À Glória!

      • breno

        Eu vou de verde e amarelo mesmo. Deixo as laranjas para o nove dedos e sua quadrilha que devastaram a economia brasileira.

  • JEu

    Faltou os elogios ao Bolsonaro por ter a coragem (mais uma vez…) de reavaliar uma decisão quando, corrigindo pequenas falhas… creio que essa seria a postura mais equilibrada… agora, quanto ao direito do cidadão que deseja ter um instrumento de defesa de sua casa, de sua família e de sua propriedade, essa está garantida… que chorem quem é contra… e quanto às mulheres que, supostamente, dizem que são contra uma arma em casa, lembremos que no último caso de feminicídio acontecido em Minas Gerais, o autor matou primeiro a mulher com uma faca (por que será que não o fez com uma arma de fogo?!!!) e depois foi armado (agora com uma arma de fogo…) e tentou matar um pastor dentro de uma igreja evangélica… muito interessante esse fato… e tomou um tiro no ombro da polícia… o cidadão deveria estar “fora de si”… mas, por que contra o pastor?!!!

  • amorim

    Bom mesmo era a anarquia, o roubo desfreado e a falta de escrúpulos. Pra que moralizar um país? Pra que obedecer as regras? Lá em casa meu pai e minha mãe, aceitavam de boa meu comportamento irresponsável, isso quando eu era criança, agora não posso mais, fiquei adulto, tenho que pagar minhas contas, preciso ser cauteloso, é tempo de mudança, e, isso não é bom, acordei do sonho!!! Ufa!! Querendo ou não, preciso me enquadra ao novo sistema. Pasmem! ainda sonho com aquela vidinha…sei que não volta mais…mais sonho…

  • Lucas Farias

    De acordo, prezado Ricardo! Algo fascinante é ver como os adeptos da fé bolsonarista acreditam que o mito deles sempre acerta até mesmo quando erra. Deve ser o pulo do gato que sempre cai em pé. Um abraço!

  • Ander Alex

    Pelo fim da Lei Seca.

    “É preciso fazer valer o referendo sobre a proibição de dirigir embriagado. Não é porque o consumo estará liberado que as pessoas vão necessariamente sair bebendo e dirigindo por ai. Quem não quiser, não é obrigado. O que não pode é tirar o direito do cidadão de bem habilitado e prepaparado de dirigir o seu carro após tomar algumas cervejas, já que o Estado não é capaz de levar todo mundo para casa depois do happy hour. E no mais, a justiça está aí para penalizar os responsáveis por eventuais acidentes…”

    Parece ridículo e um tanto quanto imbecil, não é? Pois é assim que eu me sinto sobre ser a favor do porte de armas.

    • JEu

      Deve ter alguma coisa muito difícil de entender… talvez o problema seja muito complicado para “tanta inteligência”… pois, uma coisa é o cidadão ter o direito de se defender dentro de sua casa ou de sua propriedade, pois a posse de armas é para se ter em seu imóvel… outra coisa é alguém muito imbecil beber e sair por aí em um veículo colocando a vida dos outros em risco… parece muito simples, mas, creio, é muito difícil de entender… só o Einstein para tanto…!!!

      • Ander Alex

        Claro, porque as armas serão domesticadas pelos seus donos que de forma alguma as utilizarão para outro fim que não o da defesa do seu patrimônio. Não precisa de “tanta inteligência” para perceber que foi uma comparação propositalmente ridícula a fim de mostrar o quão é inócua a ideia de que ter uma arma irá garantir a segurança, sem colocar a vida de terceiros em risco. Segurança pública é um dever do Estado. Cobre por mais aparatos, por mais e melhores policiais, por penas mais pesadas para quem comete crimes. É seu direito. E não pela transferência da responsabilidade de proteção para o cidadão comum, sem o devido preparo e senso de responsabilidade.

        • JEu

          Já fiz esse comentário em post anterior, chegando à conclusão que serão necessários, pelo menos, uns 50 milhões de policiais militares no país… então, quem paga a conta?!!!

          • Ander Alex

            E com certeza sua conclusão que estabelece a necessidade de 1 policial para cada 4 habitantes no país e praticamente determina que quem não for polícia é bandido no Brasil foi baseada em estudos técnicos, parâmetros científicos e nos “superelevados” índices de assalto por invasão a residência, já que a justificativa da posse é proteger a propriedade, uma vez que “tanta inteligência” digna de Einstein não faria conclusões por achismos nem por alusões a cenários hipotéticos e exagerados tal qual o que iniciou essa dialética.

            A conta da Segurança Pública todo mundo assume, assim como os riscos de armar uma sociedade que já banalizou a violência, pois, infelizmente, “quem não quiser, não compra” também sofrerá os danos pelo direito do “cidadão de bem e preparado” comprar.

        • Adilio Faustini

          Má intenção.

  • Adilio Faustini

    Cada cidadão de cada Estado brasileiro devera ter uma lista dos deputados que votaram a favor do COAF sair do Ministério da Jystica, guardar abLista bem guardadinha que daqui a 1 1/2 ano terá eleições para Prefeitos, muitos deles concorrerão , ou daqui a 31/2 terá eleições para deputados, se vc não concorda , tai a dica.