O governador Renan Filho já afirmou que vê com reservas a proposta de Reforma da Previdência:

– Se for tirar dos mais pobres, não vai contar com o meu apoio.

É uma posição política lúcida, só que ele só tem um seguidor na bancada federal de Alagoas: o deputado Isnaldo Bulhões (na batalha em andamento no Congresso, ele é o senhor do exército de um homem só).

O parlamentar é do MDB e foi o candidato dos Calheiros à Câmara Federal, o que terminou por colocá-lo à frente, por exemplo, do secretário Ronaldo Lessa, do PDT.

Os demais integrantes da bancada podem ser considerados “independentes” em relação ao governo do Estado, embora apenas três – dos nove – estejam na oposição local: Arthur Lira, JHC e Tereza Nelma.

Sobre o líder do PP há de se dizer: ele foi decisivo, como representante do Centrão, para as mudanças admitidas pelo governo no projeto da reforma. Daqui pra frente, é o que aponta, será reformista desde criancinha.

Ainda falta muito, porém, para um entendimento entre governo e Congresso.

É importante reconhecer o papel do parlamento para que a população não seja a grande perdedora nesse jogo de poder. Sem ele, estejam certos, a pancada seria muito mais dolorosa.

Sérgio Toledo votou a favor da Reforma da Previdência na CCJ
Futricas de Olavo de Carvalho têm mais mídia do que 13 milhões de desempregados
  • JEu

    Foi aprovada na CCJ… podem começar a espernear… e o IBOVESPA fechou em alta e o dólar caiu… coisas da economia politiqueira… e agora os do contra podem começar a chorar e lamentar… leite derramado… e, para quem ainda não falou nada, Lula foi considerado como “criminoso” pelo STJ… e daqui para agosto sai o julgamento em segunda instância pelo crime do sítio de Atibaia… podem continuar a chorar… acho que vou pedir para que seja instituído, no país, um “muro das lamentações para os perdedores”… inclusive no futebol… Mengoooo…

    • Maísa

      Praticamente um Robin Hood o governador Renan FILHO…Amei sua ideia p construção de um “muro das lamentações para os perdedores…”

  • INDIGNADO

    E ELE PENSA NOS POBRES? PORQUE DEMITIU OS POBRES DO CARPH, SEVEAL E LIFAL, PODENDO REMANEJÁ-LOS PARA OUTROS ORGÃOS E SEM CONTAR QUE 99% TODOS PRESTES A SE APOSENTAREM E DERAM O DE MELHOR DE SI PARA O ESTADO.

  • GOMES

    Infelizmente a reforma da previdência é uma necessidade extrema para o futuro desse País, esses políticos que hoje fazem oposição a reforma só demonstram o egoismo mesquinho do poder acima de tudo, não olham e não estão nem ai para o futuro das pessoas, do País. Se o PT e seus aliados ( Renans e outros ) tivessem ganho as eleições, com certeza hoje seu Renan estaria na trincheira primeira defendendo com unhas e dente a reforma. Hipócritas, escória da politica brasileira, e, o bebê Renan vai na mesma onda !!!!!!

  • wal

    Ele parece está muito preoculpado com os pobres, mas o que ele RENAN FILHO, tem a dizer sobre o fechamento do SOPÃO- PROGRAMA DE DISTRIBUIÇÃO DE SOPAS ( ALIMENTO ), QUE DIMINUIA A FOME DOS POBRES DOS MAIS POBRES dos bairros:
    Bebedouro, Jaqueira, Rio Novo, Goiabeira, Fernão Velho, Vergel, e Bragal , fechada a mais de 4 anos, por RENAN FILHO ???????????????????????
    .

  • Carlos

    ‘Uma posição lúcida” Se for para tirar dos pobres não vai contar com o meu apoio ( governador Renan Filho). Acho uma incoerência em relação o tratamento dado aos servidores públicos do executivos. tira desses para Assembleia Legislativa,TC e Ministério Públicos, concedendo reajuste dos duodécimos acima da inflação e todos estão careca de saber que os duodécimos, Tribunal de Contas e principalmente da Assembleia Legislativa que tem gerado escândalos na divisão do que sobra após da folha de pagamento. Nem a inflação e muitos acima dessa para compensar paulatinamente perdas históricas do servidor que perderam o poder de mobilização e o governador está tripudiando em cima da carne seca

  • Pedra Noventa

    Os políticos só pensam nos privilégios dos seus ”Podres Poderes”.

  • SH.

    Renan, Lira, Lessa & Cia preocupados com os pobres???

    Kkkkkkkkk

    Estes senhores não estão nem aí pra previdência, querem saber apenas qual a providência que o Governo Federal vai tomar para saciar a sede por poder e verbas destes ditos representantes do povo…

  • Almeida

    Renan filho, preocupado com os pobres, piada , kkkkkkk

  • Marcio Lins

    Na reforma perdem todos, mas principalmente os servidores públicos que ganham mais que o teto da previdência e as pessoas que começaram cedo a contribuir.

  • Lucas

    Quem leu o projeto sabe que não vai tirar dos mais pobres, isso é uma invenção da esquerda(que sempre votou contra os grandes projetos que trazem melhorias para o país desde sempre, vide o plano real entre outros) para fazer a população ficar contra o projeto. E segundo, para esse sujeito aí, pouco importa de quem vai tirar, ele não tá nem aí, tudo jogo de cena.

    • Evenildo Silvério

      Corretíssimo, Lucas. O Renan Filho não leu o projeto (ou se leu, não entendeu). Isto fica claro e evidente pelas próprias afirmações do governador “afirmou que vê com reservas a proposta de Reforma da Previdência” (mas não disse quais são as reservas ou os pontos do projeto da reforma sob os quais guarda reserva, mas apenas limitou-se ao chavão mentiroso da esquerda: “Se for tirar dos mais pobres, não vai contar com o meu apoio”! E quem disse que o governo federal quer o apoio dele? E ele agora virou defensor dos pobres! Mas esse título não é do Lula? Este defendeu muito bem e até mandou dinheiro dos impostos dos “ricos” brasileiros para os “pobres” ditadores de países africanos, as “pobres” ditaduras da Venezuela e de Cuba, para os “pobres” da Odebrecht, para o “pobre” do seu filho e para muitos “pobres” parlamentares da época aprovarem seus delírios populistas. E viva a pobreza moral da esquerdalha brasileira!

  • Ju

    Ricardo, boa tarde.

    Venho aqui, por meio do seu blog, pedir ao senhor que investigue por que o PGJ do MPE/AL ainda não nomeou os aprovados no concurso de servidores feito em Julho/2018. O órgão ministerial abriu as inscrições, recentemente, para 190 vagas de estagiários e não duvido nada que essas pessoas ocuparão as vagas de aprovados. Três estagiários pagam um servidor de nível médio. Dizem que o MPE/AL não tem dinheiro para nomear os aprovados mas abre inscrições para contratar 190 estagiários? Então por que se gastou 600 mil reais para realizar o concurso se não tinha dinheiro? Mais uma vez, Ricardo Mota, peço-lhe que nos ajude, ajude os aprovados a serem chamados, muitos estão desempregados, eu sou um deles, e a situação não está fácil. Conto com o seu apoio, de imprensa forte e imparcial! Abraço.

  • José Carlos

    Renanzinho(pras nêgas dêle)só vai ver o quanto êle foi bonzinho,nas próximas eleições!

  • José Carlos

    Aí eu quero ver.

  • Josafá Soares

    Caro Ricardo, só acho que a esta altura das discussões o governador não deveria estar usando frases puramente de efeito como “se for para tirar dos pobres sou contra a reforma da previdência”.
    Ora, como chefe de governo e como economista ele deveria nos apresentar uma posição solidamente abalizada por ele e pelo seu corpo técnico que sabemos ser excelente e dizer claramente: sou contra ou sou a favor, por tais e tais razões. Essa tomada clara de posição nos ajudaria, inclusive, a participar mais do processo, discutindo e pressionando os nossos parlamentares.