O PRTB não nega que está na fila.

O partido presidido por Adeilson Beserra, que foi o mais fiel ao Palácio no episódio da eleição da Mesa Diretora da Assembleia, espera que acordo com o governo seja confirmado.

O objetivamente: a legenda espera ocupar uma secretaria estadual, provavelmente a pasta da Assistência Social, que pertencia à família (Jó) Pereira.

Os três deputados que formam a bancada beserrista na Assembleia – Breno Albuquerque, Fátima Canuto e Jairzinho Lira – já se reuniu com o governador, com a presença do presidente local do PRTB.

O raciocínio é claro: o partido teve 260 mil votos para a Assembleia – um cacife e tanto (Jó Pereira, a mais votada, teve 50 mil).

Mas uma coisa há de se ressaltar: eles não têm pressa, embora esperem celeridade nas negociações palacianas.

Em tempo: Fátima Canuto na deve ser secretária.

As alternativas postas ao senador Renan Calheiros agora
Efeito Rodrigo Cunha: Davi Maia faz seleção para assessoria na Assembleia
  • Joao da TROÇA anarco-carnavalesca BACURAU da Rua NOVA do Sertão – em St’ANA!

    Neste canteiro floresce ARTE em fulô de LIS, ou laranjeira sem PUDOR de rir, caro Ricardo?
    #CanteiroDaCultura : Carnavais de Santana do Ipanema https://goo.gl/gCEb9a
    NóIx do BACURAU da Rua Nova do SERTÃO em St’Ana somos todos olhares INDISCRETOS. E apoi$!

  • JEu

    Nomes serão, somente, nomes… o que interessa são os resultados… e aí temos um enorme gargalo: quando há indicação politiqueira, normalmente o setor perde em especialização e tecnicidade, caindo no caos do “eu posso, eu mando, eu quero” e, depois, o que sobra é a técnica do “ilusionismo”… quando será que vamos sair desse poço sem fundo?!!!

  • Carlos

    Aqui em Coruripe…. Os poderosos só aceitam uma secretaria poderosa e sem palpite do governo. É portaria fechada