O Ministério Público Eleitoral quer que o deputado estadual eleito Breno Albuquerque devolva R$ 170 mil, que recebeu como doação eleitoral.

Ele é filiado ao PRTB, e a informação foi confirmada pelo presidente do partido em Alagoas, Adeílson Bezerra.

O advogado e dirigente partidário informou que esses recursos foram repassados na campanha eleitoral pelo MDB e pelo comitê de Isnaldo Bulhões, eleito deputado federal pela legenda calheirista:

– A questão é que nós estávamos coligados com o MDB, que poderia fazer a doação. E não foi somente o Breno Albuquerque que recebeu os recursos; outros candidatos, como a Flávia Cavalcante, também, mas não se pode falar em ilegalidade.

A decisão, por óbvio, vai caber à Justiça Eleitoral, em todas as suas instâncias.

Dois desembargadores desistem da presidência do TJ em quatro anos
Sem Marx Beltrão, Isnaldo Bulhões vira plano B para futuro secretariado
  • Adalgisa

    Va esperando !!!!!

  • JEu

    Depois de “embolsado” tá difícil de receber de volta… só se tivesse ido com um “elástico”…!!! agora é só esperar… deitado, pois até sentado cansa…