“Se for feito pelo menos metade do que está sugerido no relatório da auditoria, já será suficiente para arrumar a casa”.

A frase é de um destacado parlamentar, com assento na Casa de Tavares Bastos, ao comentar as ações que estariam sendo preparadas pela Mesa Diretora com base no trabalho realizado pela Fundação Getúlio Vargas.

Se haverá afastamento de servidores?

A expectativa é de que sim, isso vai acontecer.

Só que os “afastáveis” – que seriam até em número muito maior – são os funcionários que não comparecem à Assembleia. “Alguns, na verdade, nunca compareceram”.

Há outra questão que empurra a Mesa a uma decisão, ainda que não tão radical quanto poderia ser: o relatório da FGV está nas dos promotores do MP Estadual, desde maio.

Ou seja: vem cobrança por aí.

A ideia é se antecipar aos fatos que são inevitáveis.

CPI dos supersalários é agenda positiva de Renan e enfrentamento à hipocrisia
STJ afasta de novo Cícero Amélio do Tribunal de Contas
  • Joao da TROÇA anarco-carnavalesca BACURAU da Rua NOVA do Sertão – em St’ANA!

    Isso NUM se faz, GeNtEeee! … – AuditoriAaaa? … aqui em St’ANA, pelo menos desde os 1960’s evitamos esses constrangimentos: ‘tamo JUNTO!
    Aqui no Bloco tradicional, algumas DETERMINAÇÕES do Bacurau da Rua NOVA: jogar pedra em cachorro e derramar tonel d’água e lixeiras; chutar portas, mexer com doidos e chamar dona de casa à porta e esconder-se; furtar cigarros de quem der bobeira, copos em mesas e outras molecagens.
    CoUsas rotineiras com orçamento a partir de RECURSOS de moradores da nossa Rua NOVA para fantasia e pó de mico (cocô de cavalo); farinha de trigo e tintas. CONOSCO: Seu Zé Maximiliano e Dona Sebastiana, Dona Bila e Dona Maria Aleixo e Dona Maria de Arlindo Cara Véia; Seu João Nobre da RURAL de Ciro e Seu Wilson Modesto – GUARDA.
    E também SEMPRE ‘tivemU junto dos manos Seu ZÉ e Seu MANÉ – Constantinos da PRAÇA da Igreja MATRIZ-, Seu Cara Véia e Seu Migué Bulhões entre outros. [ZÉ Carvalho]
    [30set14], http://www.maltanet.com.br/literatura/exibe.php?id=1534

  • JEu

    Será que vão cortar os tais “cargos comissionados” nos gabinetes dos deputados?!!!! E como fica o “bolso” desses parlamentares?!!! afinal, o negócio é o seguinte: eu te dou um cargo, e fico com, pelo menos, 50% do salário, mas tu não precisa vir trabalhar… é só assinar a folha de pagamento no final do mês… e ainda pode mandar procurador assinar no lugar se tu morar no interior…kkkkkkk

  • wal

    Vamos lá…
    1°) Em alagoas tem alguma autoridade que faça valer isso aí ?????
    Essa cambada, tem que correr e mandar flores para a esposa de um dos advogados do diabo ( GILMAR MENDES ),lá do SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL.
    Se valer as floriculturas de Maceió,deve esgotar seus estoques e ela deve abrir até uma floricultura.
    Aaaaaaaaaaaaaaaaa, kakakakakaka. Aaaaaaaaaaaaaakakakakaka ( risos ).

  • Marcelo

    Com esse projeto a valente tomando conta dos cofres da assembleia é impossível fazer alguma Coisa, esse é fominha demais quer tudo para ele.

  • BEL

    KKKKKKKKKKKKKKK

  • servidor da assembleia

    O nome dessa casa deveria ser Cabaré Tavares Bastos. Nunca vi tanta putaria em lugar só!

  • Alagoas Feliz

    O filho de Sarney é ministro do meio ambiente. É também presidente do PV. O Temer golpista e entreguista, acabando com nossas reservas ambientais. O coxinha midiota feliz porque tirou o PETÊ.

  • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

    ERRATA AO ANTERIOR:
    DÉJÁ VU, REPRISE, REPLAY, REPETECO OU VALE A PENA VER DE NOVO
    Joilson Gouvia*
    Recadastramentos, auditorias e reformas administrativas (do tipo Control+C + Control+V), além de designações, instaurações e instalações de insuspeitas comissões para todos os fins do tipo CAC’s – comissão de acumulação de cargos e ou mesmo da “verdade”, como sói havido-, sempre tem sido o móvel, objeto, motivo, finalidade, justificativa e desiderato propostos de várias Administrações, que se propõem em resolver os problemas de CAIXA – caixa-dois nem se cogita; caixa-preta nem pensar! –, ou ARRECADAÇÃO* e etc. ainda que cada servidor, funcionário, sujeito e cidadão contribuinte seja portador de um único registro geral, única cédula ou carteira identidade, individual digital, nome próprio – onde mais vale o sobrenome – e de um CPF que o sistema fazendário/fiscal/tributário/financeiro ou banco de dados jamais conseguem detectar o indevido acúmulo de cargos auferíveis ou mesmo estabelecer, controlar e fixar um teto máximo ou precisar o número exato de ativos, inativos e pensionistas, mormente distinguir dos efetivos e comissionados existentes; sem falar de incontáveis “fantasmas” e inumeráveis finados que auferem anos a fio dos cofres da viúva e do Erário, sobretudo das e nas contratações de empresas, firmas e escritórios especialistas e especializados o mister, no mais da vez, dispensados de certames do imprescindível processo licitatório. Ou não?
    Desafio-os informar-nos quantos comissionados, efetivos ativos, inativos e/ou pensionistas há nos Três Poderes republicanos caetés e tupiniquim até o terceiro-escalão de cada qual?
    Quantos recadastramentos foram feitos depois da era dos bancos de dados e planilhas computadorizadas?
    Por que nunca caem nas malhas finas, salvo os pobres-mortais!?
    Enfim, quando irão pagar nossos precatórios?
    Abr
    *JG
    P.S.: quanto a arrecadação ver nossos textos seguintes:
    a) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2015/08/o-brasil-e-seus-dois-quintos-dos.html;
    b) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2015/05/o-quinto-dos-infernos-e-fichinha-diante.html;
    c) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2016/06/por-que-sempre-sobra-para-o.html;
    d) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2017/08/repudio-reproche-e-objurgacao-ao-tal.html, e;
    f) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2017/03/reforma-da-previdencia-nada-prudente-e.html.