Quociente eleitoral pode inviabilizar candidaturas de Heloísa e JHC em 2018
Amélio quer anular voto no Tribunal Federal que invalidou sua posse no TC

Está faltando dinheiro para quase tudo: a PF não tem grana para os passaportes; a UFAL está devagar, quase parando, assim como IFAL; a PRF está se guardando pra quando o carnaval chegar.

Mas os cofres da União estão abarrotados com a grana necessária para a aquisição de consciências à venda. Ou seja: quem estiver disposto a votar em favor de Temer, no Congresso Nacional.

O que diz o Congresso em Foco, hoje?

“Um levantamento publicado ontem (4) por uma agência internacional de notícias revelou que o governo Temer liberou R$ 4,2 bilhões em emendas somente no mês de junho. Esse montante é quatro vezes maior a todo valor que foi liberado de janeiro a maio de 2017, cerca de R$ 1 bilhão”.

Não há de se falar em penúria.

É caso de polícia mesmo.