23 de fevereiro de 2010

Tiago (Lampião) da Vera Cruz é condenado a 34 anos de prisão por duplo homicídio

 

Tiago da Vera Cruz, conhecido como Tiago “Lampião”, foi condenado, ontem, a 34 anos de prisão, em julgamento presidido pelo juiz Maurício Brêda, da 4ª Vara Criminal. Mesmo foragido da Justiça, ele foi julgado e considerado culpado de um duplo homicídio, ocorrido em 12 de outubro 2002.  

O crime ocorreu em um bar no Eustáquio Gomes, após uma breve discussão. Givaldo e Milton Muniz foram executados por Tiago “Lampião”, filho do ex-prefeito de Campo Grande, Cyro da Vera, mais conhecido hoje pelas suas ligações com o deputado Antônio Albuquerque – ano passado ele chegou a ser nomeado e, em seguida, demitido da presidência do Ideral, órgão da Secretaria de Agricultura. 

Há dois mandados de prisão em aberto contra Tiago da Vera Cruz. Um deles diz respeito a um crime de sequestro, seguido de morte, ocorrido em 2001; o outro é pelo duplo homicídio pelo qual foi condenado, ontem. 

Tiago da Vera Cruz já ficou preso, em 2006, na Delegacia do 4º Distrito de Polícia. Chamou a atenção, na época, a divulgação de que a cela tinha condicionador de ar, TV etc – um luxo mantido pelo pai, então, poderoso. O fato ganhou grande espaço na imprensa, mas, depois, ele foi liberado.

Obs:

Perdão aos internautas pela troca de “mandado” por “mandato”. Imperdoável, mas já corrigido. Obrigado e abraços a todos. 

 

 

 

 

11 comentários em “Tiago (Lampião) da Vera Cruz é condenado a 34 anos de prisão por duplo homicídio”

  1. Caro Sr. Mota, por falar em privilégios em delegacias, gostaria de saber se o traficante filho da secretária estadual de direitos humanos já foi liberado da luxuosa cela onde foi provisoriamente (e ilegalmente visto que o mesmo não é policial) instalado. Abraços.

  2. Cala a boca Patrícia , critica mas respeita a competencia do Ricardo.

    Leia todo dia seus comentário, para se aprender e se atualizar política e cultutalmente.

    Humildemente agradeça por telo como Professor !

  3. Apesar da ficha corrida do vulgo “Lampião”, ele é a parte fraca da corda, pois “o” ou “os” mandatários de alguns crimes e responsáveis pela violência instalada em Alagoas continuam impunes e legislando em nome do povo. Em qualquer país sério, a cadeia deveria ser o destino certo dessa corja, mas como estamos no país das Alagoas, tudo é possível.

  4. ATENÇÃO INTERNAUTAS.

    O fato é que foi preso e condenado a 34 anos de prisão, um cidadão filho de uma pessoa de uma certa forma influente em nosso estado,quanto ao Ricardo ter digitado mandato no lugar de mandado, todos nós sabemos, tratar de um erro de digitação, e isso não tem nenhuma relevancia, bobagem, sabemos o quanto o Ricardo “corre” para trazer as notícias em primeira mão.

  5. Cara Patrícia: para crivcarmos as outras pessoas devemos saber do que estamos falando. Você cometeu vários erros gramaticais (grafia e pontuação) em apenas uma linha escrita.

  6. Ricardo, quem sabe você nem esteja tão errado assim no seu errinho banal. Tantos políticos alagoanos tem um “mandato” na mão e um “mandado” de prisão na outra.

    É a vida, querido.

  7. Boa colocação Miriam Falcão… A SDS e o GECOC, deveriam investigar a participação de Tiago “LAMPIÃO”, na morte do vice-prefeito de Satuba, pois o carro utilizado na fulga dos assassinos tinha as mesmas características de um veículo pertencente a um dos filhos de Cyro Vera Cruz(Strada-Preta).

  8. Meu caro RICARDO MOTA, mim permita fazer uma corrigenda; O crime foi por problema futil, pois os rapazes foram assassinados cruelmente por que estava paquerando uma namorada do sentenciado, eles não gostaram e simplismente atirou e matou sem perdão, a garota na época tinha 13(treze anos).

  9. OLHA NÃO TENHO NADA COM ISSO QUERO DEIXAR UMA OBSERVAÇÃO, ENQUANTO O CARRO CITADO DO CRIME DO VICE PREFEITO DE SATUBA SERIA MUITA BURRICE DELES EM FAZER UM CRIME COM SEU PRÓPRIO CARRO! VAMOS LEMBRAR QUE O VICE PREFEITO TEVE SUA CASA INVADIDA POR POLICIAIS E ENCONTROU ARMA. O MESMO ESTAVA SENDO ACUSADO POR ROUBO DE CARGAS, E É BEM CLARO QUEM USA ARMA É POLICIA OU LADRÃO, NO CASO DELE ELE NÃO ERA POLICIA! SEM MAIS… ABRAÇOS RICARDO SOU SEU FÃ!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *