O Facebook, dono do WhatsApp, confirmou oficialmente que irá exibir propagandas dentro do aplicativo de mensagens – nos status, para ser mais exato. É isso mesmo: de vez em quando, você vai ver um anúncio entre um “stories” e outro, como acontece nos stories do Instagram, que também pertence à empresa de Mark Zuckerberg.

Anúncios serão exibidos no Status, os “stories” do WhatsApp (Foto: Reprodução)

“Nós vamos colocar anúncios no Status. Essa será a principal forma de monetização para a companhia, assim como uma oportunidade para empresas alcançarem as pessoas no WhatsApp”, explicou o vice-presidente Chris Daniels em entrevista concedida em Nova Deli, na Índia. A data em que isso começará a acontecer não foi informada.

O anúncio “explica” bem o motivo da saída de Brian Acton e Jan Kuom, fundadores do WhatsApp. Assim como os criadores do Instagram, eles deixaram a empresa de vez por divergências com Zuckerberg e equipe. No caso de Acton e Kuom, o problema foi com o uso dos dados dos usuários (é sabido que o Facebook expõe e até comercializa essas informações para empresas).

Confesso que, pelo menos para mim, isso não muda muita coisa. Não costumo usar os “stories” do WhatsApp, então terminarei não vendo as propagandas. Mas pelo que vejo, muitos dos meus contatos usam, então pode ser que muita gente fique chateada com a novidade.

Qual a sua opinião? É algo que pode incomodar os usuários? Fala nos comentários!

Atualmente não há comentários.