(Foto: Reprodução/Eu Tenho Direito)

Se você é bem informado, já sabe que é possível resolver muitas coisas pela internet, e desde o dia 19 de dezembro, a solicitação do seguro-desemprego formal passou a ser uma delas. Com o chamado “seguro-desemprego 100% web”, você não precisa mais comparecer a um posto de atendimento para dar entrada no benefício, agilizando o procedimento.

Infelizmente, ainda não é possível resolver tudo pelo computador, mas segundo o Ministério do Trabalho, a novidade deve acelerar o atendimento de quem precisa do seguro, inclusive porque o prazo para a liberação do dinheiro já começa a contar a partir do momento em que você inicia o processo pela web.

Como fazer

Se você já está com a sua documentação em mãos (confira o necessário aqui), é só acessar o site Emprega Brasil e fazer seu cadastro na parte superior direita:

Clique em [Cadastrar] e informe seus dados (Foto: Reprodução/Emprega Brasil)

A próxima página, chamada de “cidadão.br”, autentica seus dados como trabalhador, e através desse sistema, você poderá fazer várias solicitações e consultas:

Informe seus dados para poder acessar o sistema “cidadão.br” (Foto: Reprodução/Emprega Brasil)

Você deve, então, informar seus dados. Caso esteja tudo ok, você precisará responder um questionário com cinco perguntas sobre seu histórico de trabalho (tenha a carteira de trabalho em mãos), e é necessário acertar quatro das cinco perguntas. Caso você erre, só poderá tentar novamente após 24 horas.

Em seguida, você receberá uma senha inicial provisória, que deverá ser trocada após o primeiro acesso ao sistema cidadão.br:

Com sua senha inicial, acesse o Emprega Brasil e troque por uma senha definitiva (Foto: Reprodução/Emprega Brasil)

Informe novamente seus dados no Emprega Brasil (eu sei, é trabalhoso, mas é melhor fazer em casa do que ter que ir ao Sine só pra fazer isso) e, ao final, escolha a opção Solicitar Seguro-Desemprego:

Tenha paciência, você já está na última etapa (Foto: Reprodução/Emprega Brasil)

Agora é “só” preencher mais um cadastro um pouco maior, com suas informações pessoais, profissionais e acadêmicas, conferindo também vagas de emprego e cursos de qualificação disponíveis. Caso você precise de ajuda para preencher este último cadastro, tem um passo a passo neste link.

Passo a passo pode ajudar a preencher o último e mais extenso cadastro (Foto: Reprodução/Emprega Brasil)

Por fim, é só agendar o atendimento presencial para confirmar as informações que você forneceu pela internet. É um procedimento longo e trabalhoso, mas imagine ter que fazer tudo isso “ao vivo”, informando dado por dado. Assim você poupa tempo e só precisa sair de casa para finalizar o processo pessoalmente. Aí é aguardar o prazo de liberação das parcelas do seguro-desemprego, que é de 30 dias após a solicitação pela internet.

Fonte: IDGNow


Teve alguma dúvida? Algo não ficou claro? Deixa sua pergunta nos comentários!

Atualmente não há comentários.