Ataque atingiu milhões de pessoas no mundo inteiro (Foto: Reprodução)

Como se não bastasse toda a confusão recente sobre fake news que vem movimentando as campanhas eleitorais de 2018, os brasileiros também estão sendo abalados por outro fato preocupante envolvendo tecnologia e redes sociais. O Facebook divulgou recentemente que cerca de 90 milhões de contas tiveram (ou podem ter tido) seus dados pessoais acessados após um ataque hacker que vem acontecendo – pasme – desde julho de 2017.

De acordo com a rede social, o ataque utilizou APIs (application programming interface, ou interface de programação de aplicativos) para acessar informações de perfis, como nome, gênero, telefone e cidade de residência. Segundo o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, mensagens privadas não foram acessadas, e nenhum dado de cartões de créditos, por exemplo, foi “roubado”. Porém, ainda não se tem noção total do ataque, nem quantos brasileiros foram afetados.

Usuários atingidos receberam mensagem em seus perfis (Foto: Reprodução/Olhar Digital)

Os usuários que foram ou podem ter sido alvo estão sendo notificados pela rede social, que considerou o hack um “incidente de segurança”. E se você não recebeu, não significa que está fora de perigo. Todo cuidado é pouco, então a recomendação é que você faça login no seu perfil e acesse a Central de Ajuda do Facebook e veja se você foi notificado sobre o vazamento. Também pode checar alterações na página de Segurança e Login, que mostra onde e quando você fez login. Desconfie de qualquer irregularidade.

Por fim, o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) divulgou um tutorial para quem foi atingido. “Apesar da não exposição de dados financeiros como cartões de crédito, há enormes possibilidades de fraudes e ataques baseados em técnicas de engenharia social, forma muito usada por cibercriminosos para descobrir informações pessoais de usuários – como senhas”, diz o instituto.

Mensagem confirma se sua conta foi atingida pelo vazamento (Foto: Reprodução/Idec)

Uma dica: esse e outros ataques sofridos por redes sociais só mostram o risco de compartilhar muita informação pessoal na web. Pense sempre mil vezes antes de se expor além do necessário. Que tal você aproveitar esse “alerta” e excluir alguns dados do seu perfil? Seguro morreu de velho, né?

Fala nos comentários: você já estava sabendo dessa falha de segurança? Conseguiu ver se foi atingido? E o que pretende fazer para reduzir os riscos?

Fontes: Lifehacker, TechCrunch

Atualmente não há comentários.