Desde o início de 2019, os Estados Unidos estão sofrendo com os prejuízos causados pelo vórtice polar, um fenômeno que é causado por uma área de ar frio de baixa pressão nos polos do planeta. Em janeiro, este vórtice se “quebrou” e está afetando o continente americano, resultando na maior onda de frio dos últimos 34 anos no país.

Se você, assim como eu, tem problemas para conceber o que isso significa na “vida real”, por morar em um país tropical que, graças a tudo o que é mais sagrado, não é atingido por muitos desastres naturais, veja esse vídeo, que mostra como uma coisa simples, como dirigir, se torna infinitamente mais perigosa (ALERTA: as imagens mostram colisões de veículos, e podem ser incômodas para algumas pessoas):

O acidente ocorreu sexta (15) na cidade de Oak Grove, em Minnesota. A neve que caiu na região impediu a visão de motoristas, o que resultou no engavetamento de 47 veículos, envolvendo caminhões e carros. De acordo com a rádio local 41 KHSB, uma pessoa morreu. O autor do vídeo, Jamon Weaver, e a esposa saíram ilesos.

No mesmo dia, outro engavetamento em Odessa, Missouri, envolveu 20 veículos. A previsão é de que outros acidentes deste tipo ocorram durante o final de semana. Segundo a imprensa local, motoristas descreveram a experiência como um “whiteout” (algo como um blecaute, só que branco, por causa da neve).

Vórtice polar

Fenômeno está causando frio extremo na América do Norte (Foto: Scott Olson/Getty Images)

Pouco conhecido no Brasil, o fenômeno climático está causando sérios problemas nos Estados Unidos e no Canadá, incluindo mortes causadas pelo frio extremo, suspensão de vários serviços (aulas, Correios, etc) e até mesmo o congelamento de combustíveis dentro dos veículos.

Nos casos mais extremos, registrados no estado de Minnesota (onde ocorreu o acidente acima), as temperaturas chegaram a -54 graus, com sensação térmica de -60 graus. Das 20 cidades que mais estão sofrendo com a onda de frio intensa, 17 estão em Minnesota.

Imagens da neve resultante do vórtice são impressionantes (Foto: Xinhua/Shutterstock)

Mas o que causou essa onda fria? De acordo com a imprensa especializada, a existência do vórtice polar não é novidade. Ele é causado por ciclones de baixa pressão que circulam na estratosfera sobre regiões polares nesta época do ano. A diferença é que desta vez, um aquecimento repentino por causa de uma massa de ar quente vinda do Marrocos fez com que o frio se espalhasse pela centro-oeste e a costa leste dos EUA, além do norte do Canadá, como mostra a ilustração abaixo:

De acordo com especialistas, a previsão é de que a frente fria continue até o final de março. Até lá, há a possibilidade de mais problemas e acidentes causados pela neve e pelo frio.


Gosta de ver posts relacionados à ciência? Não esqueça que este também é um dos assuntos abordados aqui no blog! Fala o que achou nos comentários e siga o blog no Instagram, no Twitter e no Facebook!

Atualmente não há comentários.