Deus perdoa, a internet não! (Foto: Reprodução)

Quando algum conteúdo viraliza na web, nem adianta tentar apagar. Na verdade, o risco de aumentar a zoeira é ainda maior! A prova disso é o vídeo postado pelo presidente Jair Bolsonaro nesta segunda (28), que o retrata como um leão atacado por hienas.

Até aí nada demais. A questão é que as hienas mostradas no vídeo não são apenas “inimigos declarados” de Bolsonaro, como o PT, a Folha de S. Paulo, o MST e o Greenpeace, mas também instituições como o STF e a ONU, e até mesmo seu próprio partido, o PSL.

Obviamente, as comparações não caíram bem, e os internautas caíram em cima. Até mesmo o ministro Celso de Mello se pronunciou, classificando a atitude do presidente como “atrevimento”. Questionado em coletiva, Bolsonaro não quis comentar o post, e deixou a entrevista sem falar nada.

Confira o vídeo abaixo, e em seguida, os memes que bombaram no Twitter:

Atualmente não há comentários.