O livro que poderá mudar a forma com que você se relaciona com o seu dinheiro.

O livro “os segredos da mente milionária” foi escrito por T. Harv Eker. Ele nasceu no Canadá, mudou para os EUA muito novo e começou sua relação com dinheiro muito novo, começou aos 13 anos vendendo sorvete e entregando jornal.

 

Quando cursava a faculdade depois de somente um ano desistiu do ensino tradicional e resolveu correr atrás do seu grande objeto, ser um milionário. Teve vários empregos, outros vários negócios, que não lhe renderam praticamente nada fechando um após o outro, morou em mais de 5 cidades diferentes tentando sempre criar sua fortuna.

 

Tudo muda quando ele abre umas das primeiras lojas fitness nos EUA e em apenas dois anos e meio já tinha ampliado seu negócio para 10 lojas. Vendeu suas lojas para uma grande corporação conseguindo assim seus milhões. Dois anos depois Perde tudo, absolutamente tudo. Segundo o próprio autor, perdeu por fazer investimentos errados e não se relacionar bem o com dinheiro.

 

Conseguiu reerguer sua fortuna do zero novamente e partindo da mudança dos seus pensamentos, do seu comportamento, começou a questionar a relação emocional entre as pessoas e o dinheiro, e dessa base surge o livro “Os segredos da mente milionária” que é um Best Seller.

 

O que o autor propõe é reprogramar sua cabeça em relação ao dinheiro e a forma que você se comporta na sua vida, sendo esse um ponto muito importante, se comportar como uma pessoa de sucesso. Confesso inclusive que isso me ajudou muito nos últimos anos, mudou de forma significativa a forma como as pessoas me viam e principalmente a forma que eu comecei a me relacionar com dinheiro.

 

O livro fala sobre as mentalidades, mentalidade rica e mentalidade pobre, explicando em tópicos o que o autor, pela experiência própria e por conversas com grandes empreendedores de sucesso tem em comum na forma de se comportar, o livro nada fala sobre como ganhar dinheiro, como ficar rico em determinado tempo, muito menos sobre a relação entre ser rico e ser pobre.

 

A mentalidade rica ou pobre tem a ver com a forma de se comportar e se relacionar com o dinheiro, sendo ele muito ou pouco. Existem pessoas afortunadas com mentalidade pobre e pessoas sem dinheiro com mentalidade rica, como dito anteriormente a relação é sobre como você se relaciona com o dinheiro.

Rico: Eu crio minha própria vida
Pobre: Na minha vida as coisas acontecem

Por exemplo, conteúdo do livro;

Mentalidade rica “eu crio minha própria vida” / Mentalidade pobre “na minha vida as coisas acontecem”

O autor mostra que nossa realidade pode ser moldada de acordo com as escolhas, e que a vitimização é muito comum entre as pessoas que não conseguem crescer. Culpar o Governo, o chefe, os funcionários, sempre culpar outras pessoas seria uma forma de identificar o ciclo de ser vítima. Justificar o tempo todo sobre não ter dinheiro, justificar as falhas sempre com bases externas também é uma forma de manter a mentalidade de forma pobre.

 

Se você diz sempre que “dinheiro não é importante”, me responda uma coisa. O que fazemos com o que não é importante? Exatamente, temos a tendência de deixarmos de lado, não ligamos, não cuidamos, não damos atenção. Dinheiro é importante, você depende dele para tudo, até para ter uma vida leve e simples, você precisa de dinheiro.

 

Querer viver em uma casa modesta, em uma praia distante ou no interior para melhorar a qualidade de vida e não ter o mínimo de dinheiro pra manter isso, vai te deixar sempre correndo atrás de grana pra pagar suas contas, mesmo poucas ou pequenas, você não terá a tranquilidade que quer, porque sempre estará preocupado com as contas, resumindo, você sempre vai precisar de dinheiro, então se relacione melhor com ele.

 

Pessoas de mentalidade rica “pensam grande” e pessoas de mentalidade pobre “pensam pequeno”, uma das coisas mais raras de acontecer é encontrar algum empreendedor de sucesso que tenha pensado pequeno. Pensar grande ou pensar pequeno dá o mesmo trabalho, não o mesmo esforço na execução. Se você entra no jogo pensando em não perder, dificilmente terá êxito, um dos tópicos do livro fala sobre isso, diferença entre quem entra no jogo pra ganhar e quem entra pra não perder, no livro você entenderá esse diferença.

 

 

Se você pensa em empreender alias se nem pensa nisso, mas chegou até esse post porque achou interessante, leia esse livro, ele já foi livro de cabeceira de muitos empresários de sucesso, não é um livro de “gurus” com receitas de sucesso, mas um grande guia de como melhorar o seu relacionamento com dinheiro, o sucesso deste livro se reflete nos mais 1,4 milhão de cópias vendidas só no Brasil.

Então leia, leia mais de uma vez se precisar, ler sempre será uma grande arma contra a estagnação da vida e do comodismo. Um ponto muito importante, corre pra comprar porque não poderei emprestar o meu.

 

Até mais.

  • Tallita Sanny

    Ir em busca de nossos objetivos, partindo de bases primordiais, como perseverança, garra e obstinação, deveria ser algo natural em todos os seres humanos. Lógico que há a personalidade de cada um, a forma de ver o mundo, porém algumas culturas “criam” pessoas para a acomodação. Os insights ficam cada vez mais podados diante de tanta “castração cognitiva”. É super legal quando há esse “despertar” partindo do próprio indivíduo. Parabéns pelo blog, Peron.