Mortadela com charme italiano
Cinco mil flores para Claudinha

 

O famoso Bar Cadoz começou numa casa feita de taipa e palha de coqueiro. Lá, vendia-se bebidas e o primeiro tira-gosto foi  siri na manteiga de garrafa que o próprio Renaldo (In memoriam)  inventou, depois que comeu peixe com os mesmos ingredientes. Ele pediu à sua esposa, Maria de Lourdes, fazer idêntico com o siri. Deu certo e o prato virou celebridade no Cadoz, por sinal único bar do povoado.

Jardim do Bar do Cadoz, uma beleza só na cidade de Coqueiro Seco

O estabelecimento cresceu numa varanda recebendo o  vento, claro, vindo da bucólica lagoa do povoado do Cadoz. No Bar do Cadoz, o siri é temperado com coentro, tomate, cebola, e finalizado na manteiga de garrafa, esse toque do Sertão que, nas comidas de Alagoas, dá a essência do sabor na receita. E a carne do molusco fica crocante, comi sem moderação, aliás, todo mundo que aparece por lá faz a mesma coisa que eu fiz.

Carapeba da Lagoa para a cozinha do Cadoz

Rota do Cadoz

Preços: Petisco a partir de R$ 3,50/ Peixada R$ 55,00 (para três pessoas)/ siri na manteiga (meio petisco)a partir de R$ 17,00/ Aceita-se cartões

Funciona de terca-feira a domingo e feriados, das 11h até as 16h/ Povoado Cadoz: Coqueiro Seco, Alagoas, litoral Sul/ Telefone: 82 98133-8766

Como chegar: acesso pela Rodovia AL-101- Sul, no Posto da Polícia Militar, em direção ao Posto Policial. Após a primeira ponte, entra à direita e segue pela estrada de barro e mata atlântica até chegar ao Cadoz, o único bar do povoado.