Derrota importante para baixar o salto
O desabafo de Tenório e a descoberta de algo que atrapalha no crescimento do clube

Kível marcou dois gols na goleada contra o Dimensão: 5 a 0 – Foto: Pei Fon – TNH1

 

O CSA desejava muito chegar a liderança do Campeonato Alagoano. Para isso, o time azulino precisava vencer o Dimensão Saúde e torcer por outros dois resultados na rodada: tropeços de ASA e CEO.

A parte que cabia ao CSA foi feita. Em um jogo apenas burocrático, o CSA atropelou o Dimensão Saúde por 5 a 0. Leandro Kível desencantou e fez dois. Didira voltou a repetir uma boa atuação e também deixou o dele. Echeverria e Josimar completaram a goleada.

A outra parte da necessidade azulina não se concretizou. Até que o ASA foi derrotado pelo Coruripe por 1 a 0 e foi ultrapassado pelo time azulino. Mas o CEO não quis conversa. Mostrando que após um péssimo começo, o time sertanejo reagiu, a equipe venceu o Santa Rita em Boca da Mata por 2 a 1, chegou a quarta vitória seguida, somou doze pontos e, é o líder da competição. No outro jogo da rodada, o CSE empatou com o Murici em Palmeira dos Índios.

A partida disputada no Rei Pelé teve mais a cara de um racha. A fragilidade do Dimensão ficou evidenciada, mas foi intensificada pela expulsão de Amsterdan, volante do time de Capela, logo aos doze minutos. Ainda assim, mesmo com um jogador a menos, o Dimensão conseguiu articular dois contra-ataques no tempo inicial.

O paraguaio Echeverria foi o garçom da partida. Didira foi o craque do jogo. O árbitro José Jaini mostrou personalidade e teve uma avaliação positiva: nota 8.