Qualidade dos gramados em Alagoas é inaceitável – Blog do Marlon
Classificação histórica do CRB e eliminação previsível do CSA
Desfile sem fantasia, sem alegoria e sem evolução

Já era Carnaval quando Murici e CRB se enfrentaram no último sábado no Estádio José Gomes da Costa, em Murici. O fato que chamou atenção, ressalte-se, no aspecto negativo, foi a péssima qualidade do gramado. Sob qualquer ponto de vista, a prática de uma partida de futebol ‘profissional’ naquelas condições é inaceitável.

O pior é que a situação é reincidente. Na semana que antecedeu a abertura do Alagoano, o Estádio José Gomes da Costa permanecia interditado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) mas de forma surpreendente o gramado que vimos no sábado foi liberado pela CBF.

Na reta final do ano, o presidente da FAF, Felipe Feijó falava sobre um programa de melhoria para os campos em Alagoas. Uma empresa foi contratada para realizar serviços de topografia e a promessa de melhoria. “ Os gramados passarão por grandes ajustes, o que vai melhorar ainda mais , a qualidade do futebol”.

Não foi isso que aconteceu. Até mesmo o gramado do Rei Pelé iniciou a temporada em um padrão muito abaixo do aceitável e daquela qualidade que observamos ao longo dos anos. Gramado de Palmeira melhorou para o que era, mas continua irregular, alto, desnivelado. Em Capela, o piso é duro. O resultado é a bola viva o tempo todo, riscos de lesões e dores nos atletas no dia após o jogo. No sertão, em Olho D’Água das Flores, a mesma coisa. Murici, hoje, é o extremo.

Mazola Júnior, técnico do CRB, foi duro, mas feliz nas suas afirmações após o jogo e acrescentou que não é possível ter futebol profissional nestas condições. Para a FAF digo apenas que entendo – e respeito – as dificuldades enfrentadas, entendo, e respeito, que a entidade tenta viabilizar a realização da competição ‘deixando’ algumas coisas para trás em nome do futebol alagoano, mas essa situação é limite. Se não nos profissionalizarmos, não iremos avançar. Não teremos uma competição, com pelo menos, o jeito de uma competição profissional.

Precisamos reagir, pois continuo visualizando que o novo já nasceu Velho.

  • Júlio César Padilha

    Marlon por isso você tá na frente dos seus colegas pois não tem medo de tocar nos pontos nevrálgicos do nosso futebol ⚽️. Uma Vergonha eu com um amigo Paulista vendo o jogo do CSA ele rapaz nem na base lá em SP jogam no campo desse .

  • Luiz R S Filho

    Querem o futebol de Alagoas forte com pelo menos 2 ou 3 Clubes nas series B e C, Na Copa do Nordeste, na Copa do Brasil……Mas não há investimentos da FAF. E ainda temos um Vice-Presidente na CBF…..mas não acontece nada ou melhor, cada ano piora. O próprio gramado do Trapichão não está bom. Muito aquém do que sempre foi. Também liberam pra tudo que é racha, um tal futebol Americano que nada significa.

  • Aloísio

    Marlon parabéns pela suas colocações sábia.Eu acredito que a culpa é da federação que não tem competência de resolver um simples problema. Se é chamado de campeonato profissional e a federação autoriza futebol nessa condições, é campo pra amador. Essa federação tem muito que aprender. Lamentável

  • José A de Oliveira

    Marlon o pasto do estádio de Murici ser chamado de gramado é muita educação sua. Não é difícil de ver gramados muito melhores em campos e mini-campos de propriedade particular. Mas em Alagoas os dirigentes de futebol em particular os serviços feitos por políticoe em prefeituras é disso a pior. Eu tinha certeza que em Murici não iria haver melhoramento,como pensei.

  • Moraes

    A RESPOSTA É SIMPLES: POLITICAGEM, QUAL É A SUPRESA.

  • Sebastião Davino dos Santos Filho

    Rapaz eu mão tenho nada contra o campeonato alagoano,Mas já era pra ter acabado a muito tempo.vc investe muito dinheiro pra ter um time forte,que nem CSA, CRB,ASA ai uns palhaços e dizem que esses campos tem condições de se praticar futebol.eu sendo presidente de qualquer time desses eu entrava na justiça pra nao jogar,porque e é uma falta de respeito com todas as pessoas que torce e gosta de uma bela partida de FUTEBOL.

  • André

    Enquanto a política continuar influenciando aonde não se deve meter teremos esse futebol medíocre e vergonhoso.

  • Andre

    Junta o campo em más condições e com um futebol alagoano medíocre,dá uma bela receita,é uma falta de respeito o torcedor sair de casa para e ao estádio e pagar para assistir porcaria e com os atletas que podem se machucar jogando nessas condições

  • Claudio silva

    Todo ano tem esse bla bla bla. Disseram que tinham que treinarem em outro lugar e não poderia ser no mesmo do jogo, a FAF e nada é a mesma coisa. Ainda cobram os ingressos um absurdo. Uma vergonha.

  • Marcelo gaia

    Eu ainda tenho esperança que o Ministério Público vai acabar com essa farra chamada futebol profissional de Alagoas . É um absurdo jogos medíocres em gramados sofríveis e há 40 reais com foi em Murici . VERGONHA!

  • um ALAGOANO

    Realmente um absurdo os gramados dos estádios aqui em Alagoas, a começar pelo início do ano com o Rei Pelé em péssimo estado pois todo fim de ano serve de campo de pelada pra amigos do pessoal da Sec de Esportes e com a desculpa de que é pra atender ao povão, não cola né, ali é um estádio de futebol profissional e pra isso foi construído, um absurdo.

  • Wfbf

    Com relação ao Rei Pelé, procurem respostas com o secretário responsável.
    Por isso que deveriam privatizar o TRAPICHÃO.

  • Abrahão

    Marlon, vocês fazem de tudo para divulgar o nosso futebol, e a Federação Alagoana de Futebol de forma irresponsável, politiqueira, libera certos campos para a prática de futebol. vergonha, esse é meu sentimento. Nós torcedores somos os palhaços.

  • Luiz Gustavo

    Lamentável amigos, nossos gramados estão horríveis, retrato da politicagens e traca de favores. vergonha.os clubes investem para os atletas jogarem nestes pastos….

  • PAULO TORRES DOS SANTOS

    Vergonha é o gramado do Trapiçhão como está, prejudicando inclusive os nossos times.
    Proibir o uso do campo para peladas e campeonatos sub-xx.
    Um pouco de adubo, camada de terra e agua, muita agua poderão dar uma recuperada. URGENTE
    Vergonha da Federação e da Secretária de Esportes.